Confira como substituir o açúcar na alimentação

Saúde e Bem estar

Além de contribuir consideravelmente com o aumento de peso, o consumo diários – e exagerado – de açúcar pode trazer outros malefícios à saúde, como surgimento de cáries dentárias e desenvolvimento de diabetes. Quando uma pessoa resolve eliminar o consumo do açúcar branco de sua rotina, seja por conta própria ou recomendação médica, muitas vezes acaba por retirar o açúcar de uma vez por todas de sua alimentação.

Colher com cubos de açúcar

Foto: © Depositphotos

Mas não é preciso ser tão radical assim, uma vez que possuímos excelentes substitutos naturais e mais saudáveis para o açúcar refinado.

Elaboramos uma lista com 10 opções de como substituir o açúcar na alimentação. Veja como você pode continuar sentindo o prazer adocicado, porém de maneira bem mais saudável.

Substitutos naturais do açúcar na alimentação

1. Stevia

A stevia, por exemplo, é uma planta que possibilita adoçar muito mais do que o açúcar branco refinado. Na verdade, o adoçante em si é a estévia, composto extraído da planta. Com este composto é possível adoçar bolos, sucos, doces e qualquer receita que necessite de açúcar.

Adoçante natural

Foto: © Pixabay

Um copo de suco pode ser adoçado com 2 colheres de estévia. Para você saber: a planta é capaz de adoçar 300 vezes mais do que o açúcar!

2. Sucralose

Uma das maneiras mais naturais e populares de adoçar bebidas após o açúcar, a sucralose é o açúcar natural encontrando nas frutas. Além disso, também pode ser obtido em xaropes e frutas em conserva. A sucralose é uma excelente fonte de energia e, ao contrário da maioria dos adoçantes naturais, pode ser utilizada em bebidas quentes.

3.  Açúcar de coco

Extraído da seiva das folhas do coqueiro, o açúcar de coco não é tão popular no Brasil, mas muito utilizado na Indonésia regiões próximas. Muitos dos pratos indonésios, como bebidas, lanches e molhos, trazem o açúcar de coco como agente adoçante.

Rico em vitaminas

Foto: © Depositphotos

Além das vitaminas B, C, ferro, potássio, zinco e magnésio, o açúcar possui altos níveis de sacarose e poucos níveis de glicose e frutose. Por possuir muita sacarose, o açúcar de coco não é muito recomendada para pessoas diabéticas.

4. Xarope de milho de alta frutose

O xarope de alta frutose é outra alternativa em substituição ao açúcar. Ele é usualmente encontrado em refrigerantes, cereais e sobremesas lácteas. Tem valor calórico ínfimo, menor do que a maior parte dos adoçantes. O xarope de milho de alta frutose é obtido através do xarope de milho processado.

Leia também: Benefícios do suco de milho para a saúde

5. Açúcar mascavo

Composto por minerais como cálcio, fósforo, magnésio e potássio, o açúcar mascavo é uma excelente opção para quem não tem diabetes. Sua extração é realizada através das primeiras extrações da cana, o que preserva a redução de calorias aliada à alta de minerais.

Açúcar

Foto: © Pixabay

Uma dica: ao comprar o açúcar mascavo, de preferência para as embalagens fechadas. Como em muitos estabelecimentos a venda é feita à granel, ou seja, o consumidor escolhe a quantidade que deseja comprar, há maiores riscos de contaminação nos recipientes nos quais o açúcar mascavo fica exposto. A utilização é similar o açúcar branco refinado: pode ser usado em sucos, bolos, café etc.

6. Açúcar demerara

Com propriedades nutricionais bem similares ao açúcar mascavo, o açúcar demerara é um intermediário entre o açúcar refinado e o mascavo. Seu grande diferencial é a redução de aditivos químicos. Para quem está acostumando com o açúcar branco refinado, o demerara pode ser um pouco mais difícil de diluir, uma vez que seus grãos são maiores. Os nutricionistas indicam que antes do consumo, o açúcar demerara seja passado pelo processador ou liquidificador.

7. Acessulfame-K

Quando alguém opta por cortar o açúcar da alimentação, a primeira decisão é recorrer aos adoçantes. E são inúmeras as possibilidades de escolha. Um dos adoçantes que podem considerados os melhores substitutos do açúcar é o Acessulfame-K. Sua fórmula não propicia altos ganhos nutricionais, porém, não traz danos à saúde. Para você saber: o Acessulfame-K é muito utilizado em guloseimas isentas de açúcar, como os chicletes dietéticos. Seu poder adoçante chega a ser 200 vezes maior do que o açúcar comum.

8. Mel

Além de ser uma fonte rica em vitaminas do complexo B e minerais, o mel é um poderoso adoçante natural, sendo possível utilizá-los em sucos, chás, bolos e demais preparações. Recomenda-se que seja utilizado in natura, uma vez que seu aquecimento pode comprometer seu valor nutricional.

Colher com Mel

Foto: © Pixabay

Constituído de frutose e glicose, o mel também possui ações antifúngicas e bactericidas, fazendo muito bem à saúde. Apesar de todas as vantagens, vale ficar atento: o mel possui um alto nível calórico, devendo então ser consumido moderadamente.

Leia também: Conheã 10 benefícios do mel para a saúde

9. Açúcar orgânico

Quando falamos em alimentação natural e balanceada, o poder dos alimentos orgânicos sempre são colocadas em voga. E, de fato, eles são uma boa opção de substituição. Com o açúcar acontece o mesmo: o açúcar orgânico não possui dose alguma de aditivos químicos e, por isso, não traz nenhum malefício à saúde neste sentido. É recomendado para quem deseja emagrecer e se ver livre do açúcar refinado, entretanto, seu uso deve ser controlado por quem é diabético ou tem propensão ao problema, uma vez que possui um alto índice glicêmico.

10. Eritritol

Disponibilizado em pó e em diversas lojas de produtos e suplementos naturais, o Eritritol é um adoçante natural interessante, uma vez que possui apenas 0,2 gramas de caloria por grama. Diferente de alguns adoçantes, este é indicado para todas as pessoas que desejam consumir outros tipos de açúcares, até mesmo caso possuam diabetes.

Substituir o acucar

Foto: © Depositphotos

Embora sua capacidade de adoçar não seja tão alta – aproximadamente 70%, comparando-se ao açúcar branco refinado – é um bom substituto. Outra vantagem é que seu consumo, mesmo em dosagens mais altas, não contribui para o surgimento de cáries, promovendo também uma boa saúde bucal para quem o ingere.

E então, descobriu como substituir o açúcar na alimentação? Tais substituições não auxiliam apenas no processo de emagrecimento, mas contribuem com a boa saúde à nível geral. Comece a apostar nos açúcares e adoçantes naturais que te indicamos ao longo do artigo e sinta a diferença em seu corpo. Curtiu nossas informações Não deixe de compartilhá-las com seus amigos que estão em busca de uma alimentação ainda mais saudável!

Por Tatiane Andrade / Edição: Dona Giraffa

 • 10 inibidores de apetite naturaies para você perder pedo de forma saudável

Publicidade

Deixe seu comentário