Primeiros sintomas de gravidez: Conheça 18 sinais que você pode estar grávida

Gravidez

Uma possível gravidez passa a se tornar preocupação para dois tipos de pessoas, as que querem muito ter um filho e as que possuem pavor com a ideia de ter um bebê. No primeiro caso estão as mulheres que já passaram de uma certa idade e ainda não possuem a experiência da gestação. As vezes há alguma dificuldade de engravidar e, quando iniciam as suspeitas, o sentimento é de expectativas e nervosismo.

barriga de mulher grávida

Foto: (c) Can Stock Photo

Já na segunda situação estão as adolescentes e mulheres jovens no geral, que ainda não possuem um relacionamento sério, um casamento ou uma vida financeira estabilizada. Nestes casos, a ideia de gravidez gera pânico e polêmica e, por isso, qualquer sintoma pode ser se transformar em noites de sono perdidas.

Para ter certeza, a única solução é fazer um exame de sangue ou um teste de farmácia, embora não seja totalmente confiável. No geral, os sintomas de gravidez começam a aparecer a partir de três semanas da fecundação. Se você estiver com suspeitas, confira os principais sintomas e depois faça um exame para ter a confirmação.

1. Atraso na menstruação

O sintoma mais óbvio pode não ser tão óbvio assim. Embora o atraso menstrual ocorra com todas as grávidas, é possível que a menstruação demore por problemas hormonais, preocupações ou até mesmo como efeito da pílula do dia seguinte, caso a mulher tenha ingerido. No entanto, fique atenta a este sintoma pois não deixa de ser um indício. (Pílula do dia seguinte pode atrasar a menstruação em até 3 semanas)

Mulher com menstruação atrasada

Foto: (c) Can Stock Photo

2. Cólicas

As cólicas que sugerem uma gravidez ocorrem da mesma maneira que as cólicas menstruais, sendo até difícil de diferenciar. Quando o corpo começa a se preparar para o desenvolvimento do bebê, o útero sofre as consequências e a futura mamãe começa a sentir as dores na região. Se for por menstruação, o ciclo deverá dar sinais em breve e, caso contrário, é um forte indício de gravidez. (Cólica menstrual: conheça os chás mais eficientes para o problema)

3. Variação de humor

O corpo passa por transformações hormonais que afetam muito o humor feminino. Assim como a TPM, as mulheres se sentem tensas por poucos motivos e podem estourar por problemas muito pequenos.

4. Dores de cabeça

Também é um fruto das transformações do corpo e pode ser sinal de gravidez. No entanto, as dores de cabeça não podem ser avaliadas isoladamente, pois é comum sentir enxaqueca por diversos motivos, como estresse e cansaço. Repare se as dores aparecem em momentos que você nunca sentiu antes, como pela manhã ou após as refeições.

5. Espinhas

A falta de regulagem nos hormônios é algo que provoca espinhas e oleosidade na pele na maioria dos casos. Para as adolescentes, é um sintoma clássico da fase da vida, mas não ocorra só na juventude.

mulher com espinha na gravidez

Foto: (c) Can Stock Photo

Muitas gestantes podem passar por este problema no início da gravidez, mas não é uma regra e as vezes as espinhas aparecem de forma quase imperceptível.

6. Leve falta de ar

Para a formação do feto, o organismo acaba utilizando um pouco de oxigênio e, como consequência algumas grávidas sentem falta de ar. Seja para subir escadas ou fazer alguma atividade física, é preciso ficar atenta neste sintoma, principalmente se você nunca sentiu falta de ar antes.

7. Dor nos seios

Seios doloridos é algo muito comum no início da gravidez, sendo um sintoma percebido facilmente por quase todas as gestantes. Por ser uma região do corpo muito sensível, as mulheres podem sentir muito incomodo com as dores, principalmente na hora de colocar aquele sutiã apertado.

8. Cansaço, sonolência e fadiga

Sensação de exaustão e fadiga também ocorrem com frequência nas primeiras semanas de gravidez.

mulher dormindo

Foto: (c) Can Stock Photo

A falta de ânimo e energia para as tarefas do dia a dia faz com que muitas mulheres percebam que há algo diferente no organismo. No entanto, nem sempre sentir cansaço é sinal de gravidez e, por ser um sintoma forte, é sempre bom investigar.

9. Sensibilidade a cheiros

As grávidas ficam muito mais sensíveis a qualquer coisa em volta delas, principalmente cheiros. Odores que antes não eram percebidos passam a incomodar e até a provocar enjoos e irritações.

10. Enjoos

O clássico sintoma de filmes não existe apenas na ficção. Os enjoos e ânsia de vômito podem aparecer com frequência, principalmente no horário matinal. Se além de enjoar você ainda vomita de verdade, fique atenta pois o sinal pode revelar muito.

11. Desejos alimentares

Estar esperando um bebê também deixa as mamães mais egoístas, principalmente no início da gravidez. É muito comum sentir uma vontade louca de comer algo especial e ainda pedir ao marido para dar um jeito de realizar o desejo. No entanto, aquela história de que se não comer o bebê vai nascer com cara da comida já não funciona mais.

mulher com desejo na gravidez

Foto: (c) Can Stock Photo

12. Aversão a comida

O efeito contrário também aparece como sintoma, embora seja bem menos conhecido que os desejos de grávidas. Ao olhar para um determinado alimento, muitas sentem aversão e enjoo, mesmo que seja algo que faz parte do cardápio diário. Este sintoma também é inicial e tende a ser amenizado com o tempo.

13. Tonturas

Mal estar, tonturas e desmaios também podem indicar gravidez. No entanto, é preciso impedir que este tipo de sintoma ocorra e, para isso, o melhor é levar um estilo de vida próprio para uma gestante. Quanto mais cedo a gravidez for descoberta, melhor será para a mãe e para o bebê.

14. Dores nas costas

As transformações no corpo para permitir que o bebê cresça podem causar dores nas costas. O sintoma não ocorre em todas as grávidas, mas quando aparece, costuma ser muito incomodo e até preocupante, principalmente para aquelas que não possuem nenhum problema de coluna.

mulher com dor nas costas

Foto: (c) Can Stock Photo

15. Muitas idas ao banheiro

A produção extra de líquidos e a pressão na região da bexiga justificam as muitas idas ao banheiro pelas gestantes. Principalmente quando o sintoma ocorre pela madrugada e a mulher acaba acordando diversas vezes só para fazer xixi. Este sintoma também pode indicar outras coisas, mas a gravidez é a principal suspeita.

16. Mamilos escuros

Além das dores nos seios, as mulheres também podem perceber um escurecimento na circunferência dos mamilos. Além disso, é possível que os seios fiquem um pouco mais pesado do que o normal no início da gestação.

17. Sangramento

Com a fecundação do óvulo, é possível que o organismo libere uma pequena quantidade de sangue que, neste caso, não pode ser confundida com menstruação, mesmo que ocorra no período em que a menstruação deveria vir.

mulher com mão na barriga

Foto: (c) Can Stock Photo

18. Alterações no organismo

Mesmo que haja poucos sintomas, qualquer mulher pode perceber que há algo diferente no organismo e, esta sensação e percepção também são sintomas relevantes para quem está grávida. Repare em como o seu organismo anda se comportando ultimamente e faça um exame o mais rápido possível para ter certeza da gravidez ou descartar esta possibilidade.

Por Ana Paula Bretschneider / Edição: Dona Giraffa

• Gravidez: quando minha barriga vai começar a aparecer?

Publicidade

314 comentários

  • Leandra disse:

    Minha menstruação veio dia 22 de janeiro, tive relações sem camisinha no dia 31 de janeiro, mas o meu parceiro não havia ejaculado dentro, fiquei com medo de uma possível gravidez e tomei a pílula do dia seguinte no dia 2, no dia 07 começou sacramentos como menstruaçao que durou por 04 dias, mas ainda fiquei com medo e fiz um teste de farmácia dia 15 e deu negativo. Tenho alguma possibilidade de está grávida?

    Responder
    • Dona Giraffa disse:

      Creio que não!

      Responder

Deixe seu comentário