Sinais que o útero dá quando algo não vai bem

Saúde / Menstruação

Quando algo não vai bem no nosso corpo, o organismo sempre dá uma alerta. Cabe a gente saber entender os sinais dados e procurar um médico para investigar e descobrir a melhor maneira de tratar o problema. Com o útero também é assim. Se algo está errado com ele, ele dá sinais variados para que algo possa ser feito. Entender esses sinais pode ajudar a tratar uma doença logo no inicio e evitar maiores complicações.

hemorragia ou falta de menstruação

Foto: (c) Can Stock Photo

É importante lembrar que a boa condição e saúde do útero é que garante a possibilidade de gestação. É nele que todo o bebê formado e fica protegido pelos nove meses de gestação. É um órgão muito especial, que pode abrigar uma nova vida e, quando a mulher está tentando engravidar e não consegue, pode ser que seja porque o útero não está bem. É necessário investigar para poder reverter o quadro e para que a tão sonhada gravidez ocorra.

Veja alguns sinais:

Hemorragia ou falta de menstruação: o seu fluxo menstrual que era regular começou a variar muito? Sinal de alerta. É bom procurar um médico para ver o que está acontecendo. O mesmo vale para se você passar grandes períodos sem menstruar. Pode ser algum problema hormonal, procure um médico. (Menstruação atrasada: 7, 10, 20 dias de atraso. Posso estar grávida?)

Dores na hora da transa: pode acontecer na hora da penetração, pode ser na região do útero ou não. Observe e converse com seu médico.

Região do útero inchada: se isso acontecer antes da menstruação, tudo bem, é normal. Se for fora, pode ser um sinal de alerta e um exame se faz necessário.

Cólicas: elas ocorrem por excesso de hormônios ou por algum problema no útero. Se você tem muita cólica, procure um médico para investigar. Assim poderá tratar e a cólica vai diminuir.

Secreção vaginal: quando ela está normal, não tem cheiro forte. Caso tenha, um médico precisa ser procurado. (Corrimento vaginal: causas, tratamento e prevenção)

Infertilidade: está tentando engravidar e não consegue? Algumas doenças podem levar a infertilidade. Você precisará ser examinada para descobrir se o problema é com você. Lembre-se que o problema pode ser com o seu parceiro e por isso ele precisará ser examinado também.

Doenças do útero

Veja algumas doenças que podem acontecer no útero e que por isso, precisam de atenção da mulher:

Mioma:

São tumores benignos e que devem ser acompanhados pelo médico. Enquanto pequenos, podem ser tratados com medicamentos, mas caso estejam muito grandes, o médico pode orientar a tirar. Cerca de 20% das mulheres têm um mioma durante o período reprodutivo. Há alguns sinais que podem indicar esse problema como ciclos menstruais mais longos que o normal, cólica intensa, necessidade de urinar com mais frequência, e dor durante a relação sexual. Para se chegar ao diagnostico, a ultrassonografia pélvica ou transvaginal se faz necessária. Existe mais de um tipo de mioma e o tratamento vai ser decidido de acordo com o tipo encontrado e com o histórico da paciente. (Tipos de mioma uterino)

Pólipos Endocervicais:

São tumores formados na parede do útero. Um dos sintomas mais comuns é o sangramento vaginal fora do período menstrual. Cerca de 10% das mulheres sofre desse problema.

Endometriose:

O endométrio, camada interna do útero que é descamada durante a menstruação, acaba se instalando em outros órgãos e formando tecidos que atrapalham a fecundação. Com os sintomas pode-se notar cólica intensa, dificuldade de engravidar, dor pélvica e dor durante a relação sexual. O tratamento é cirúrgico, na maioria dos casos.

Câncer de colo de útero:

Causado principalmente pelo HPV. Faz lesões na mucosa da vagina e pode evoluir par a câncer. Para evitar que isso aconteça, deve-se fazer o exame papanicolau com frequência. Há também a vacina contra o HPV que previne a infecção e pode ser administrada em mulheres a partir dos 9 anos de idade.

Visitas frequentes ao ginecologista e exames de rotina em dia, podem ajudar a diagnosticar várias doenças do útero logo no início. Qualquer sinal dado pelo útero deve ser o suficiente para uma atenção maior ser dada e um médico ser procurado.

Outra coisa importante é o sexo seguro. Algumas doenças do útero são secundárias a microorganismos que são sexualmente transmissíveis. O melhor a se fazer é sempre transar com camisinha. Se o parceiro não quiser colocar, vista você a camisinha feminina!

Por Milena Godoy / Edição: Dona Giraffa

Publicidade

32 comentários

  • Marina disse:

    Minha menstruação veio no dia 31 de dezembro de 2017 esse ano ela ainda não veio era pra vir em Janeiro de 2018 em fevereiro tive uns sangramentos que só dava uma sujeitinho na calcinha por 3 dias e agora quando tenho relação com meu namorado sangra só na hora e sinto dor do lado direito do ovário já fiz exame de sangue pra ver se era gravidez mas deu negativo me ajudem tô preocupada

    Responder
    • Dona Giraffa disse:

      Oi Marina, procure um ginecologista para fazer exames de rotina, pode ser hormonal. Beijos!

      Responder
  • Allana Rocha disse:

    Minha última mestruação foi dia 25 de novembro. Até agora nada de mestruação, posso está grávida?

    Responder
    • Dona Giraffa disse:

      OI Allana, se houve relação desprotegida tem sim a possibilidade. Beijos!

      Responder
  • hilda lago disse:

    Oi tenho infecções urinárias corrimento amarelo e agora sagrou-se fora do período ja fiz exames e nao da nada ja tomei remédios sara e volta porfavor mim ajude

    Responder
    • Dona Giraffa disse:

      Hilda, você tem que fazer um bom acompanhamento com um médico, fazer um novo tratamento, novos exames, até ficar 100% boa. Beijos!

      Responder
  • Rebeca disse:

    Olá, fui notificada com endometriose, faço o tratamento há 6 meses, já esqueci de tomar algumas vezes o remédio, e o máximo que aconteceu foi descer pra mim, so que de um tempo pra ca passei a ter MUITAS DORES em certas posições e há dois dias estou sentindo que tem algo tremendo dentro me mim bem na região abaixo da cintura, o que pode ser isso …?

    Responder
    • Dona Giraffa disse:

      Oi Rebeca, é necessário uma avaliação de um ginecologista para investigar. A endometriose causa fortes dores. Beijos!

      Responder
  • Cida disse:

    Tem umas três vezes que tenho a relações sexual e causa sangramento, sem dores. Oque acha que pode ser?

    Responder
    • Dona Giraffa disse:

      Oi Cida, não é normal ocorrer sangramentos durante a relação. Sugiro procurar um ginecologista para fazer um check up. Beijos!

      Responder
    • Yara Oliveira disse:

      Oi Cida.
      Vc descobriu oq era?
      Estou com o mesmo problema.

      Responder
    • Amelia disse:

      Eu acho q vc tá com alguma inflamação..vc deve procurar um ginecologista

      Responder
  • Kau disse:

    Obrigado 😍
    Vou fazer amanhã
    Um novo beta .
    Estarei avisando o resultado
    Se positivo ou negativo .
    Boa noite gente
    Deus abençoe

    Responder

Deixe seu comentário