Sintomas de gravidez no começo da gestação

Gravidez

Quando uma gravidez acontece, os nossos hormônios entram em ebulição e logo após a fecundação, ou seja, depois da relação sexual, o nosso organismo já começa a se organizar para receber uma nova vida em seu ventre. Em apenas algumas semanas é possível sentir os primeiros sintomas da gravidez.

primeiros sintomas de gravidez

Foto: (c) Can Stock Photo

Veja como identificar os primeiros indícios da gravidez!

Os sintomas da gravidez

Se for feita uma pequena pesquisa, pode-se perceber que muitas mulheres não sentiram nada nos primeiros dias ou semanas da gravidez. Muitas só descobriram que estavam grávidas quando a menstruação atrasou, o que pode levar em torno de dois meses.

Contudo, o organismo reage de forma diferente e em algumas gestantes pode ocorrer a incidência de alguns sintomas clássicos que revelam que um bebê está a caminho!

leia também

• Até quantos dias é normal a menstruação atrasar? 1.2.3.5…10 dias
• [Menstruação atrasada] – Quanto tempo devo esperar para fazer um teste de gravidez.

1. Sangramento

Quando o embrião é implantado na parede uterina pode ocorrer um sangramento que não é similar ao da menstruação, mas chama a atenção. Como ele acontece próximo ao período menstrual, muitas mulheres acham que o ciclo foi adiantado e nem percebem que aquele líquido mais escasso e clarinho, porém ainda no tom avermelhado, é na verdade o “sangramento de implantação.”

Com ele tem a duração de poucos dias é fácil confundi-lo com a menstruação, mas se você teve relação a 6 ou 12 dias, fique atenta e faça o teste de gravidez.

2. Mama inchada

Depois da fecundação o organismo precisa garantir que aquele feto seja nutrido após o parto, por isso, as mamas inchadas começam a aparecer logo após a segunda semana da concepção.

Nem sempre o seio cresce de modo a ficar muito aparente a sua mudança e inicialmente ele apenas fica mais sensível e pode doer ou latejar.

Este sintoma também é muito confundido com sinais da TPM, pois muitas mulheres apresentam mamas inchadas antes do período menstrual, no entanto a diferença entre o inchado menstrual e o da gravidez é que a mama fica muito mais sensível e os mamilos podem escurecer ou mudar de forma.

3. Cólica

Dores no ventre, similares a uma cólica menstrual também é um sinal de que o útero foi fecundado e agora está se organizando para abrigar o feto.

4. Fadiga

O seu trabalho parece lhe cansar muito mais e as atividades de casa consomem toda a sua energia. A falta de disposição e a fadiga são indícios fortes que os níveis de progesterona não baixaram depois da ovulação, o que significa que o nível mais alto – típico da gravidez – está causando essa vontade enorme de parar um pouco e descansar.

5. Náusea

Antes mesmo de notar a menstruação atrasada, algumas mulheres começam a se sentir mais nauseadas. O grande mito sobre o enjôo matinal deve ser deixado um pouquinho de lado: no início da gravidez a náusea não tem hora para acontecer. (Enjoo na gravidez: dicas para controlar e amenizar)

6. Inchaço Abdominal

A alteração dos hormônios pode causar a diminuição na digestão dos alimentos e conseqüentemente inchaço abdominal. Para prevenir que isso aconteça, tenha uma dieta sem muita gordura ou alimentos que possam pesar no estômago.

7. Constipação

Intestino preso ou diarréia, algumas gestantes podem apresentar estes sintomas devido à desaceleração do sistema digestivo causada pela mudança hormonal. A diarréia é menos freqüente de ocorrer, mas muitas grávidas notaram que ficaram constipadas no período inicial da gravidez. Para que isso não aconteça com você, adicionei mais fibras à sua dieta e beba muita água.

8. Dor de cabçea

Este não é um sintoma muito comum, mas com a mudança do volume sanguíneo, é normal que as grávidas sintam dor de cabeça. A elevação dos hormônios: estrogênio e progesterona também são creditados como responsáveis pelas dores.

9. Dor nas costas

Como o útero está em processo de expansão, todos os órgãos próximos acabam sendo afetados e a constipação e o inchaço podem gerar dor nas costas. Também procure dormir de forma correta, pois a má posição, que antes não causava nada, agora pode resultar em dor.

10. Corrimento

Quando a mulher está ovulando sai aquele muco que nos faz desconfiar que a menstruação está próxima. No entanto, durante o período inicial da gravidez este muco, que é na verdade um fluído cervical, vem em maior fluxo e não se encerra após um tempo. Este corrimento pode ser um pouco pastoso e amarelado, mas cuidado: todo corrimento precisa ser analisado, pois ele também é sinal de algumas doenças. (Corrimento vaginal: causas, tratamento e prevenção)

Se você identificou um ou mais sintomas, faça o teste de gravidez de farmácia, ele pode te ajudar a tirar as suas dúvidas! Como o nosso corpo emite sinais que são um enigma para nós decifrarmos, vale à pena tirar logo as preocupações da cabeça e descobrir se você será mamãe.

E com você, você sentiu algum destes sintomas no início da sua gravidez? Deixe o seu depoimento!

Por Samantha Alievi
Redação Dona Giraffa
Crédito da Imagem: (c) Can Stock Photo

Confira também

# Alimentos que devem ser evitados durante a gravidez
# Engordei muito na gravidez. E agora?
# Menstruação atrasada e teste de gravidez negativo. O que pode ser?
# [Atraso menstrual] – Menstruação atrasada: é normal a menstruação atrasar?

Publicidade

130 comentários

  • Aline disse:

    Eu Sinto Dor no seios tipo pontadas e ontem o bico cossava, sinto dor no pé da barriga, tontura, muita dor de cabeça, dor no estomago, dor nas costas, cansaço, muito sono, e mes passado atrazou 2 dias ai tive uma grande colica como nunca tinha sentindo e desceu M vermelha rosada e só dois dias depois parou. Fiz 2 testes de farmacias e deram negativo, mais os sintomas nao sumiram, será que estou gravida ??

    Responder
  • bia disse:

    Eu transei sem camisinha e 15 dias deois eu estava enjoada, engravide nessa transa ou já estava grávida, pois mais tarde minha gravidez veio a se confirmar

    Responder
  • Luna disse:

    Oi, tive relação com meu namorado dia 21/02 e no dia 22/02 eu tomei a PDS, mas no dia 24/03 comecei a senti dor nas costas, dor de cabeça, cólica, vontade de fazer xixi toda hora, um pouco de enjoo, coração um pouco acelerado, muito sono e cansaço.. Será que estou gravida ?

    Responder
  • Luana disse:

    Minha menstruacao esta atrasada desde 6 de fevereiro, em janeiro tomei antibiotico para combater uma infecção, posso estar gravida? Fiz teste de farmacia, deu negativo, sinto um pouco de sono, e tenho azia as vezes.

    Responder
  • Daiane Oliveira disse:

    Mestruei dia 21 de Outubro 3 dias depois fiz sexo sem camisinha, depois de 4 dias começei a sentir dor de dente forte e ficar meia tonta durante o dia,ainda não fiz o teste de grávidez ,será q vou ser mamãe??

    Responder
  • stephanie steissy disse:

    minha amostra acabou dia 26 de agosto desse dia para cá eu sinto um desconforto no corpo muita dor de cabeça seios inchados dor no pé da barriga e muito sono será que eu estou gravida me ajude

    Responder
  • Rita disse:

    Olá
    Eu tomo rémedio e minha menstruação está com dois dias de atraso, será se estou gravida?

    Responder
  • Thuany disse:

    Estou um pouco preocupada, pois eu não sei bem quantos dias a minha menstruação está atrasada, só sei que agora em março ainda não menstruei (ou seja, minha menstruação está atrasada a mais de 15 dias). Tenho intestino preso, dor de cabeça, dor nas costas, e acho que corrimento também, pois sempre que acho que a menstruação está vindo na verdade não é, e sim esse muco, ou algo do tipo. O que vocês acham? Me respondam o mais rápido possível (se puderem). Obrigado.

    Responder
  • edvania disse:

    oi boa tarde!ja esta com um mes que a minha mestruacao nao desce,e estou sentindo alguns sintomas tipo colicas diareia,os meus seios estao enchados doendo muito…mas sempe tive dificuldade para engravidar pois sou anemica,e ja passei quase 2 meses sem mestruar,sera que estou gravida?.desde ja obg.

    Responder
  • leiliane disse:

    sinto dores embaixo da barriga tonturas e dor de cabeca sera q eu estou gravida

    Responder

Deixe seu comentário