Saiba se seu ciúme está ou não dentro do limite

Relacionamento

Considerado o tempero da relação por uns e vilão para outros, sentir ou não ciúme é um debate que parece não ter fim. Responsável por inúmeras brigas e bloqueios de amigos do Facebook, fato é que ele atrapalha todo relacionamento.

Foto: (c) Can Stock Photo

Será que tem como sentir ciúme de maneira saudável? Ou será que é melhor nem senti-lo de uma vez por todas? Descubra abaixo se seu ciúme está dentro do limite.

Os que se dizem a favor do ciúme

Por muito tempo, escutamos de pessoas adultas e experientes que sentir ciúme era normal. Que o fato de sentirmos tal coisa significava que nos importávamos com o outro. Que é até saudável dizer ao(à) parceiro(a) que não gostaria que ele(a) falasse com fulana(o) ou que cortasse os laços de amizade com aquele(a) amigo(a) de infância.

Então, crescemos acreditando nisso tudo, inclusive em príncipes encantados e em mulheres perfeitas. Infelizmente, o machismo ainda possui seguidores fiéis nos dias de hoje. E engana-se que apenas os homens são os devotos. Muitas mulheres parecem não ter nada contra o fato de acharem que devem se submeter às vontades do marido e que a última palavra é dele e fim de papo.

-> Como evitar a possessividade no relacionamento

Com isso, o ciúme traz consigo não só o machismo, mas a possessividade, o controle doentio, as neuras, e até a violência doméstica. Parece estranho dizer que existe um ciúme saudável, não é mesmo? Mas, os adeptos do sentir ciúme dizem que ele nada mais é do que uma prova de amor. Será?

Como definir que o ciúme está nos limites ou não?

Bom, por mais contraditório que pareça, sentir um POUQUINHO de ciúme é normal. Afinal, esse sentimento tem a ver com a posse e com o nosso ego. Achamos que o outro nos pertence.

-> Saiba quais são os tipos de ciúmes | Descubra o seu!

Sendo assim, o ciúme considerado dentro dos limites é aquele que sabemos controlar; que ocorre bem de vez em quando; que não fica imaginando coisas; que confia no outro; que não fica fuçando em mensagens de celular ou invadindo as contas dos perfis sociais; que não tem neuroses; que não controla o outro; que não segue o(a) parceiro(a) pra ver se ele(a) disse a verdade; que não respeita a privacidade.

Ciúme pode ser patológico e deve ser tratado, nem que seja com a ajuda de profissionais. Caso você passe o dia achando que a pessoa está lhe traindo, fica procurando motivos e rastros de uma traição imaginária, fica ligando pra ela a todo o momento, sempre acha que ela está mentindo, exige que ela corte laços com os amigos e que se isole ao seu lado, cuidado. Você pode sofrer de ciúme exacerbado e doentio. E isso, não é tempero de relação nenhuma.

Pra pensar…

Seja ele saudável ou não, será que não faria mais sentido acreditar que não há motivos racionais para sentirmos ciúme? O casal só tem a ganhar quando ambos entendem que estão juntos por opção, que são companheiros um do outro, e que são livres para partirem quando sentirem que não dá mais. Apenas quando se percebe que o outro não é nosso, que não é um objeto do qual temos medo de emprestar ou perder, é que o ciúme deixa de fazer sentido. E assim, ele deixa de existir.

Na minha humilde opinião, o fato de não sentirmos ciúme é a maior prova de amor que pode existir. Porque o amor, sendo um dos sentimentos mais nobres, é maior e mais elevado do que a posse ou do que o controle. Pra realmente amar alguém, o egoísmo dever ser nulo, pois o amor e o amar são altruístas. Então deixe seu egoísmo de lado, e jogue seu ego medroso no lixo. Preocupe-se menos em sentir ciúme e mais com viver cada momento com quem se ama.

Por Camila Mazi
Redação Dona Giraffa
Crédito da Imagem: (c) Can Stock Photo

Confira também

# O relacionamento acabou, de quem é a culpa?
# Falta de confiança no namoro. O que fazer?
# Beijo na boca é traição? Sim ou não?
# Confira 12 ingredientes que um bom relacionamento deve ter

Publicidade

2 comentários

  • carla e ronaldo disse:

    para ser bem sincera eu sofro um ciúmes doentil. Tenho consequências brigas, dias sem se falar e fiko cm a impressão de que nao sou mas amada ou desejada o meu ciúmes não é normal. Mas talvez sou assim por que ele é muito possesivo não posso usar uma roupa curta nem olhar para os lados se estiver uma turma, e tem mas perdi todas as minhas amizades. Ah pessoal mas mesmo cm essas dificuldades sou mt apaixonada por isso estou sempre sedendo só para ve-lo feliz é so oque me importa . Alguém tem uma solução? Obrigado

    Responder
    • indy disse:

      ola o meu ciume tambem é muito doentil.sei q preciso de ajuda mas não sei como procurar…explicando eu tenhho muito medo de perde-lo as vezes ele me dá motivos,mas não quero ser assim só q não consigo,ja tentei muitas vezes ms não sei q fazer!!do jeitoo q esta minha relação pode chegar ao fim…

      Responder

Deixe seu comentário