Como lidar com a crise na vida a dois?

Relacionamento

Qualquer tipo de relacionamento amoroso, dos namoros aos casamentos longos, corre o risco de passar por períodos difíceis, em que o casal tem dificuldades de sincronizar os pensamentos e opiniões e podem acabar gerando discussões, brigas e, na pior das hipóteses, uma crise.

Pequena, de pouca duração, ou mais longa, a crise se abate sobre os dois e chega às vezes a envolver mais pessoas, que tentarão ajudar de todas as formas possíveis.

Nessas horas nem sempre estamos abertos a conselhos de terceiros, histórias de pessoas que já passaram por isso ou algum outro tipo de ajuda, mas é sempre bom lembrar que são esses detalhes que poderão nos fazer refletir sobre as atitudes que geraram a crise e tentar contorná-la.

O surgimento da crise

O tempo, em alguns casos, é o responsável pelas crises que acontecem em namoros longos ou casamentos. As pessoas tendem a mudar conforme os anos passam, e de repente um dos dois não percebe o processo dessa mudança, só se dá conta depois de muito tempo.

Nessa fase, você se depara com alguém bastante diferente daquela pessoa que conheceu e se apaixonou, e algumas mudanças não o agradam. Porém, se olhar para si mesmo, você verá que também mudou, afinal é um processo natural da nossa evolução como pessoa, até mesmo resultante do amadurecimento.

Ao ser contrário às novas atitudes, pensamentos, vontades e opiniões da pessoa ao seu lado, você pode acabar desencadeando uma crise no casal.

-> Casamento em crise, como superar

Como resolver

Não há crise que resista muito tempo quando existe amor e carinho entre o casal. Prepara a comida preferida dele, saiam para dançar e se divertir, vejam um filme leve e descontraído e até mesmo troquem massagens, em busca do relaxamento de ambos.

Além do carinho, é preciso também oferecer apoio em algum momento complicado, por meio de palavras de incentivo, uma carícia e cuidados que mostram que você está ao lado da pessoa para o que ela precisar.

É importante também se abrir para seu parceiro. Se há algo que traz preocupação, angústia ou medo em sua vida, a melhor coisa a fazer é dividir tudo com quem está ao seu lado, para que ele possa ajudá-la de alguma forma.

Se ele fez algo que a desagradou, não tente se vingar, ou puni-lo. Isso trará só coisas negativas ao relacionamento.

Ao invés disso, conversem. Quando há algum desentendimento, a pior atitude a ser tomada é ignorar seu parceiro, não falar com ele. Uma conversa direta, franca, e sem violência, com um tom de voz equilibrado pode evitar desentendimentos maiores e alguma mágoa.

A partir do diálogo e da flexibilidade vocês dois podem se entender, decidir a melhor forma de agir, independente do problema, e recuperarem a harmonia do casal.

Por fim, esqueça situações tristes do passado. Se vocês tiveram algum desentendimento, ou ele agiu de uma forma errada, após o diálogo e entendimento de vocês não adianta continuar guardando tudo para usar em um momento oportuno.

Ao guardar essas coisas você vai apenas continuar cultivando sentimentos que levaram o casal à crise e ela acabará retornando em algum momento.

Esquecer e seguir a vida a dois sem nenhuma lembrança que traga infelicidade fará com que o relacionamento de vocês seja muito melhor.

Por Franciele Bueno
Redação Dona Giraffa
Foto: Divulgação

Confira também

# Dicas para ter um relacionamento sem crises
# O relacionamento acabou, de quem é a culpa?

Publicidade

Deixe seu comentário