É possível engravidar logo após o parto?

Gravidez

Gravidez pós parto

Logo após o parto é meio difícil ocorrer uma gravidez, mesmo porque não é o momento certo para voltar à atividade sexual. Durante a quarentena a mulher deve se cuidar, contando com a compreensão do companheiro, é claro, e evitar certos esforços físicos, pois o sangramento pós-parto, seja ele Cesária ou normal, é de cerca de 40 dias até. Isso pode variar de mulher para mulher, tanto no tempo quanto na intensidade de sangramento, mas o correto é esperar 40 dias para voltar a ter relações sexuais, pois esse é o tempo necessário para que o útero volte ao normal.

A possibilidade de engravidar pouco tempo após um parto

Deve ser levada a sério porque o risco existe sim e, como o corpo da mulher, dois meses após o parto, ainda não está preparado para receber uma nova gravidez, essa se torna um risco, tanto para a mãe quanto para o bebê. Podem acontecer nascimentos de crianças pré maturas, com baixo peso ou até mesmo essas virem a óbito logo após o parto. Daí o cuidado de se esperar de seis meses a um ano para entrar em uma nova gravidez.

Filhos muito perto um do outro

Além dos problemas confirmados por especialistas no assunto, de que mãe e filho correm riscos em uma gravidez muito próxima uma da outra, vamos pensar também no lado prático, o da preocupação, gastos e desgastes pelos quais um casal passa com a chegada de outro filho em menos de dois anos. Mal deu tempo de se estabelecer uma relação de conhecimento com o filho que nasceu e já tem que se voltar para o nascimento de outo. Mesmo bem estruturada, é uma situação que requer muito preparo do casal para não se perder nessa hora, com tantas preocupações envolvidas.

Uso de minipílulas

Com todo acesso às informações que temos hoje em dia, ainda existem casais que pensam ou acham que, caso a mãe esteja amamentando, não existe possibilidade de engravidar. Errado. Muitas mulheres engravidam durante esse período de amamentação, o que é prejudicial a ela e ao futuro bebê. Para isso existem as minipílulas, as quais são ministradas nessa fase, mas caso persista alguma dúvida, nada como ouvir a orientação de um médico.

Dar um tempo entre uma gravidez e outra

Existem mulheres ou casais que querem os filhos com idades bem próximas um do outro, mas para isso têm que estar bem programados, a fim de não acarretar nenhum problema a eles mesmos.. Sem contar o cansaço que duas ou mais crianças pequenas, num mesmo ambiente, solicitando a atenção e cuidados dos pais a todo instante, poderá gerar um stress muito grande para esses. É aí que entra a figura dos avós, de babás ou pessoas próximas que os valham, na ajuda da criação dos mesmos que, ainda nas fraldas, já estão sendo levados para as creches ou escolas maternais.

Curtir cada fase de um filho

Além de ser bem mais sossegado para os pais, principalmente a mãe, figura associada ao lar e à criação da prole, pais que têm os filhos com certa diferença de idade de um para outro, podem, com certeza, exercerem melhor esse papel que lhes foi destinado ou por eles escolhido. Cada fase da vida de seu filho será curtida, apreciada de uma maneira única, pois ele é o rei do pedaço até chegar a vez de passar o trono para o irmãozinho. Até mesmo para as crianças, esse espaço de tempo de uma para outra tem um retorno satisfatório e tranquilo.

Por Ana Virginia Miotto
Redação Dona Giraffa
Foto: Reprodução

Confira também

# Primeiros sintomas de gravidez
# Como recuperar a boa forma depois da gravidez
# Não consigo engravidar. E agora?
# Como lidar com a ansiedade na gravidez
# Enjoo na gravidez: dicas para controlar e amenizar

Publicidade

14 comentários

  • bruna disse:

    Oi faz 21 dias que eu ganhei bebé foi cesariana já posso ter relação sexual não estou amentando …
    quando vou estar ovulando a meu sangramento também já parou …
    pois meu marido não gosta de usar camisinha como saberei se estou ovulando pra não engravidar

    Responder

Deixe seu comentário