O Amor tem prazo de validade?

Relacionamento

A famosa crise dos sete anos de casamento, conforme dizem, já foi responsável por inúmeros finais de relacionamento. Assim como é comum falarmos que o amor chegou ao fim, acabou. Com essas e outras vivências, chega uma hora que nos perguntamos se o amor realmente acaba um dia e se ele tem algum prazo de validade.

O Amor tem prazo de validade

Amor e paixão

Um dos motivos pelos quais os relacionamentos acabam é porque aquilo que o casal sentia, ou ao menos uma das partes, não era amor, e sim paixão. É comum confundir os dois sentimentos, porque a paixão realmente nos leva a crer que todo aquele exagero só pode ser amor, mas não é bem assim.  O amor é algo mais sereno, seguro, livre. As cobranças não são comuns, porque quando você ama e é correspondido, a confiança depositada em seu parceiro assume as rédeas e você não tem medo de que um dia o sentimento acabe e ele a troque por outra, e confie o suficiente para saber que liberdade e individualidade são duas coisas bastante importantes em um relacionamento.

Desgaste

O amor pode realmente existir, mas há certas coisas que se desgastam e se tornam um marasmo com o tempo. Por isso a importância de sempre se renovar em um relacionamento. Se acomodar em uma relação pode fazer com que o amor, aos poucos, vá morrendo. Algumas coisas que levam ao desgaste do relacionamento são o ciúme, a teimosia e quando o casal não quer ceder. Com esses ingredientes, não há amor que consiga ser eterno.

Desvalorização do sexo

Algumas pessoas, à medida que os anos passam, deixam de lado a relação sexual. A correria do dia-a-dia muitas vezes acaba por ocupar maior parte do nosso tempo e tanto o homem quanto a mulher preferem relaxar ou focar no trabalho e acabam deixando o sexo de lado. Cada casal tem suas particularidades, mas de forma geral, a relação sexual tem grande importância no sucesso do relacionamento e quando uma das partes se sente desconfortável com a falta de sexo, aos poucos vai desanimando e pode até mesmo acabar traindo seu cônjuge, ou então colocando um fim à relação.

Saber diferenciar o amor da paixão pode muitas vezes nos previnir de uma supresa ao descobrir que o sentimento não existe mais. Além disso, manter um diálogo frequente sempre que houver qualquer tipo de desentendimento ou insatisfação fará com que vocês sempre estejam em sintonia. Para não cair no marasmo, é sempre aconselhável fazer coisas diferentes com seu parceiro e buscar saídas para que o relacionamento sempre esteja renovado.

Por Franciele Bueno
Redação Dona Giraffa

Confira também

# Comecei a namorar, e agora?
# Qual a diferença entre amor e paixão?
# Dicas para ter um relacionamento duradouro
# Qual a diferença entre ficar e namorar?
# O relacionamento acabou, de quem é a culpa?

Publicidade

Deixe seu comentário