Como lidar com a ansiedade na gravidez

Gravidez

Ansiedade na gravidez

Se você se ajudar, tudo será bem mais fácil, tenha certeza.

A gravidez é um período muito delicado na vida da mulher, no qual ela depende, e muito de como irá conseguir lidar com muitos fatores, internos e externos para que e essa não seja um transtorno, mas sim uma etapa de prazer em sua vida.

Lidando com as dificuldades

Tudo é novo nessa fase, “literalmente” denominada espera. A mulher ao engravidar passa a viver na espera da chegada de um ser novo em sua vida, o qual ela está gerando dentro de si. Imagine a bagunça que não fica na cabeça de quem ainda não passou por isso. Sem contar com a parte física: ver seu corpo aumentando de tamanho dia a dia e, consequentemente, tomando formas diferentes. Não há como não ficar ansiosa e até mesmo receosa ou preocupada.

Mudando de comportamento com o passar dos meses

Ao se ver já uma gestante mesmo, com a barriga enorme e sentindo que uma vida move-se dentro de você, os ânimos parecem acalmarem-se. Sua preocupação agora já tem até nome, pois logo no início da gravidez já podemos saber o sexo dos nossos filhos, o que facilita muito, até para nos relacionarmos com ele antes de tê-lo em nossos braços.

Depois do quarto ou quinto mês de gestação a mãe já se sente mais segura diante dessa. A ansiedade vai diminuindo e deixando lugar para uma sensação de bem estar; um tipo de alegria ainda não experimentado.

Pais presentes e participativos ajudam muito

Quando a mulher pode contar com a presença e compreensão do companheiro, a situação torna-se bem mais leve e cômoda. É como se ele a ajudasse a carregar a cria, o que alivia muito o peso, tanto das preocupações quanto o peso real mesmo. Sem contar que, juntos, terão sempre oportunidades de falar a respeito do filho, traçar programas para quando este nascer, enfim, sonharem acordados com o presente que estão prestes a ganhar.

Como diminuir a ansiedade no final da gravidez

É muito interessante a mãe procurar manter-se ocupada com alguma atividade, física ou mental, nesse período que parece ser o mais longo da gravidez: o final. Nessa fase seu peso aumentou, a criança se mexe muito, a dificuldade de encontrar uma posição legal para dormir, o inchaço e outras coisinhas mais, tudo isso somado gera certo mal estar, daí a necessidade de a mulher desviar seu pensamento, procurar distrair-se pois, afinal ela sabe que tudo isso logo irá passar.

Por Ana Virginia Miotto
Redação Dona Giraffa
Foto: Getty Images

Confira também

# Primeiros sintomas de gravidez
# Informações sobre a pílula do dia seguinte
# Não consigo engravidar. E agora?
# Menstruação atrasada, o que pode ser?
# Estrias na gravidez: evitar, prevenir e tratar
# Enjoo na gravidez: dicas para controlar e amenizar

Publicidade

1 comentário

  • isabel cruz disse:

    tenho 34 anos e ja tenho uma filha com 9 anos equeria engravidar novamente msa estou fazendo tratamento para ansiedade a quatro meses com alprozalan devo parar com a medicaçao

    Responder

Deixe seu comentário