Quando devemos ceder?

Relacionamento

brigas casal

A coisa mais difícil num relacionamento é saber quando é a hora de acalmar nosso orgulho e nossas vontades para fazer as vontades do outro.

Fazer um relacionamento dar certo é realmente um desafio. Engana-se quem acha que amor é o suficiente. Concordo que é o primeiro elemento que deve existir. E mais além, sexo. Ambos são importantes e fundamentais, mas só funcionam quando caminham ao lado de elementos como respeito, confiança, sinceridade e carinho.

Todo casal briga. E quando a discussão chega ao fim, é sempre aquela história: ambos acham que estão certos e esperam que o outro dê o braço a torcer e peça desculpas. Até que isso aconteça, podem se passar horas, dias e até meses. Tudo porque o orgulho fala mais alto nessas horas, e nenhum quer parecer fraco perante o outro. Ninguém gosta de ceder.

O problema é que se não aprendemos a ceder, o relacionamento acaba, e não por falta de amor, mas pela ausência de tolerância e compreensão. Competir é natural e necessário, mas isso deve acontecer de maneira saudável, onde um incentiva o outro a crescer.

Quando a competição acontece de maneira negativa, o que temos não é mais uma relação de igualdade, e os amantes se tornam dois esportistas, que não admitem o cansaço porque só estão interessados em vencer.

Sabe aquela história de que “dois bicudos não se beijam?”,então…E aí entra a seguinte questão: você está disposta a tudo para manter seu relacionamento? Se sim,então é hora de aprender a ouvir o outro. Afinal, você tem muito a perder,certo?

Mas quando se trata do nosso parceiro, fica realmente difícil abrir mão das nossas idéias e pedir desculpas. A dificuldade aqui é saber ceder sem perder a individualidade. Uma relação onde apenas um cede não funciona, assim como uma relação onde só um cobra.

As coisas devem existir em equilíbrio. Ambos cedem e ambos cobram. Assim como os dois devem ter em mente que só um relacionamento equilibrado faz com que ele dure mais.

Deve ser de igual para igual. Se você cobra do outro, também permitirá que o outro cobre de você. Se você cede, também exigirá que o outro ceda. É difícil, ainda mais quando os dois têm personalidades parecidas.

A solução então é se perguntar toda vez que uma discussão começa e você quer provar que tem razão: “vai valer a pena?”. Provavelmente a resposta será não, então, termine a briga com um “ah,deixa pra lá…”.

Por Camila Mazi
Redação Dona Giraffa

Confira também

# Porque homens e mulheres traem?
# A realidade sobre os homens, mulheres
# Razões para terminar um relacionamento
# O que fazer com um namorado mentiroso?
# Como saber se ele só quer transar com você?
# Seis tipos de mulheres que os homens detestam

Publicidade

5 comentários

  • Adriana disse:

    Meu marido me ofende mto e eu não sei mais o que faço. Já perdoei várias vezes, sabe, e agora eu me cansei e não mais converso e não irei dar o braço a torcer. Eu sempre dou e perdoo e ele volta a fazer de novo o que faço tô certa!

    Responder
    • Dona Giraffa disse:

      Oi Adriana! Você está certa. Em um relacionamento tem que haver respeito em primeiro lugar. Se não existe respeito, não vale a pena. Beijos!

      Responder
  • Luiz Antonio disse:

    Perfeito. Passei por isso, exatamente. Um só ceder e agradar, vai dar errado. O término desse caminho é um só. O FIM.

    Responder
  • Elisângela disse:

    Lindo texto!
    Mais não entendo p/ que colocar um texto interessante se ninguem pode copiar para compartilhar.

    Responder
    • Dona Giraffa disse:

      Olá Elisângela, compartilhar na internet significa plágio, nos do Dona Giraffa não autorizamos a divulgação de nosso conteúdo…

      Obrigado pela visita e pelo comentário, volte sempre…

      Att,
      Equie Dona Giraffa

      Responder

Deixe seu comentário