É possível amar e trair ao mesmo tempo?

Relacionamento

Embora muitas pessoas defendam a tese de que  amam seus companheiros, e mesmo assim os traem , fica difícil crer que isso seja verdade.

E possivel amar e trair ao mesmo tempo

Em primeiro lugar, trair pra que e por que?

Se você ama realmente seu companheiro ou sua companheira, na maioria das vezes você está num relacionamento bom com ele ou ela, porque, na medida que isso não ocorre, o sentimento também dá uma balançada e , é justamente nessas horas que se procura outra ou outro.

Difícil acreditar que alguém feliz queira arriscar-se numa simples aventura. Se assim o faz é porque o relacionamento já não está satisfazendo mais. E se isso está acontecendo, pode ter certeza que o amor esfriou.

Como reascender a chama da paixão?

Difícil, heim. Paixão é fogo, e esse  depois que se apaga, não é fácil fazer queimar de novo.

Muitas pessoas enganam-se com fetiches, cuidados como o regar de cada dia e outros comportamentos similares, mas sem sucesso. O segredo é não deixar a chama apagar, mas quanto a isso não existe regra a seguir. Tem-se que ser muito criativo e tomar muitos cuidados para que isso não aconteça, mas mesmo assim, sempre correndo riscos.

-> Como reacender a paixão no namoro

O melhor a se fazer é tecer uma teia de cumplicidade com a pessoa amada e tentar, na medida do possível, manter um relacionamento estável e agradável ,mesmo que forjado, às vezes. A vida não é uma arte? Então, que mal tem em representarmos um pouco, de vez em quando, em prol de uma relação que é nossa razão de viver?

Num relacionamento a dois

Em determinados momentos, um sempre tem que ceder e, geralmente é o mais inteligente que consegue essa proeza. Mas que não se caia na rotina  de ser sempre o mesmo a ceder. Aí estará passando de inteligente a acomodado e tolo ou tola.

Mas,  voltando à palavra chave, traição, essa dói muito, machuca, fere, deixa marcas, marcas essas que nunca, nada, nem o tempo irá apagar. Trair alguém com quem se divide uma vida, é o mesmo que matá-la. A pessoa traída sofre uma dor indescritível e muitas vezes desejaria morrer a passar por ela. Ou talvez matar, visto tantos crimes passionais que presenciamos no dia a dia.

Como cada um pensa com a cabeça que tem, e diferente, teremos várias respostas a essa questão. Mas, em se tratando de sentimento, convenhamos que não há certo nem errado. Traição é traição e acabou: não importa o motivo. E, com certeza, quem ama não trai.

Por Ana Virginia Miotto
Redação Dona Giraffa

Confira também

# Quando uma relação chega ao fim
# Porque homens e mulheres traem?
# Não deixe seu relacionamento esfriar
# Como lidar com seu namorado safado?
# Será que ele me ama do jeito que sou?
# Como ficar sem ter um relacionamento sério?

Publicidade

22 comentários

  • Luca disse:

    Nao tem como você avaliar uma essência de um vinho e sua harmonia se você nao o degustou,eu vejo meros pseudos conservadores falarem sem ter vivido isso.o apenas subjetivamente.experiencia minha e de colegas! Você pode ter viajado o mundo, ser um casal inteligente independente culturalmente e intelectualmente ser estavel nas suas ideias,mas deixa aquele fogo do começo do namoro nao ser o mesmo, deixa cair na rotina e a mulher nao c esforçar mais igual no começo, e sua parte tentar e tentar e nao ter o mesmo fed back.você vai acabar traindo afinal todos temos o direito de ser felizes e de viver.ficou ate o seculo XX aquela historia de casamento conservador so pela hipocresia da sociedade.nao significa que voce nao ama, mas que tem um desejo carnal que precisa ser suprido.tem um livro que c chama o poder da açao.o autor descreve algumas coisas.se voce foi pra rua do seu emprego é porque voce foi o incompetente nao deu seu melhor, se o seu relacionamento chegou a esse ponto de voce buscar algo fora é porque tb seu companheiro nao deu o melhor.então entenda e abra a mente alem dos muros.

    Responder
    • Alex disse:

      Olá Luca, ví seu comentário e ele me parece ser nada menos que risível, me pergunto que tipo de experiência você já deva ter passado para defender uma conduta que denuncia mais uma tendência pouco confiável de seu caráter, do que um simples viva e deixe viver como você deseja transparecer.
      Talvez você seja uma pessoa pouco empática, talvez seja narcicista e quem sabe egocêntrico, mas em meio a tudo o que posso perceber levemente pelo seu comentário, tenho uma certeza, você é um traidor.
      Percebo que pelo seu comentário que deseja colocar sobre o outro a responsabilidade de sua decisão, talvez isso alivie em você a culpa que poderia em algum momento sentir por fazer isso, pois justifica pelas ações do outro ou a falta dessas ações a sua decisão, que pelo modo como fala, parece mais um hábito para o qual deseja encontrar uma desculpa para praticar, denovo e denovo, cabe apenas a um dos parceiros se esforçar para que o relacionamento dê certo? Você cita que todos temos o direito de ser-mos felizes e concordo com isso, mas para você a traição de alguém que talvez direcione ainda para você sentimentos bons apesar da rotina é sinonimo de felicidade? Porque se você diz isso por em seus relacionamentos não se sentir em algum momento feliz, não seria mais fácil considerar um término ou como dizem largar do osso? Já que não tem conserto pela rotina e falta de empenho. Posso supor que você ainda tem algum benefício dentro dessa monotônia, já considerou que você reduziu á pessoa a quem trai a uma alternativa para quando ás pessoas com quem comete a traição caso não te queiram, você voltar para casa e transar com aquela pessoa como última opção? Você fala sobre o amor e que um traidor ama, mas ele ama uma pessoa ou ele ama um desejo, por corpos e novidades e se serve de situações do relacionamento para justificar busca por novidades ou se preferir, traição? Quando você julga que o outro ao qual você impulta á responsailidade de seu ato de traição como um incompetente, me questiono como uma pessoa que preza pela liberdade de viver e ser feliz como você, poderia permanecer em um relacionamento assim? Você delega ao outro a resposabilidade da manutenção total de uma relação que ocorre a dois, se você´participa e se sua intenção previa não é a de trair, como talvez tenta transparecer defendendo o ato de trair em seu comentário, o estado do relacionamento também é fruto de sua falta de ação, por que você espera do outro e então chegamos em um ponto, você é tão incompentente quanto aquele ou aquela á quem critica para justificar a sua traição e esse talvez seja o motivo real da ação que voce comete, ou seja de trair.
      Sabe você poderia ser um pouco mais honesto com as´pessoas com quem você se relaciona, isso não significa que precisa se casar e etc…Mas apenas que não precisa trair se não estiver safisteito de alguma maneira pois existem outras alternativas, e torno a dizer, você preza sexo e não relacionamentos, pois do contrário não atribuiria somente ao outro a qualidade de agente modificador de situações desagradáveis num relacionamento, você é um traidor, isso é fato e talvez não mude, mas brincar com pessoas é sempre um jogo perigoso, e você falando nesse comentário sobre os outros me faz conhecer mais você do que a eles, você desconsidera o outro, você o trai e não existe desculpa para isso, afinal você é o único responsável por aquilo que escolhe.
      Anseio pelo dia em que a honestidade seja vista além do que é hoje, pois ela é mais que obrigação, é antes de tudo uma virtude.

      Att: Alex

      Responder
  • Ieda disse:

    Às vezes somos fiéis a outra pessoa não por amor a ela mas por amor a Deus querendo agrada lo portanto acredito que o amor cobre uma multidão de pecados se amamos verdadeiramente seremos fiéis com certeza

    Responder
  • Gisele Ferreira disse:

    E mais uma coisa,voce deveria é ter amado o seu namorado com o Amor de Deus,pois Deus é amor e Deus é fiel.Então quem ama com o amor de Deus é fiel a pessoa amada.Em Deus não há adulterio nem falsidade e quem tem Ele no coração saberá ser fiel e verdadeiro assim como Ele.

    Responder
  • Gisele Ferreira disse:

    Eu por mim,se eu tivesse um namorado e o amasse muito e de verdade,jamais,eu repito,JAMAIS eu pensaria em trai-lo e estou falando sério,porque o que eu não quero que ele faça comigo eu não farei com ele.Eu tenho Deus no meu coraçao e ficarei longe de todos os perigos em potencial que me façam cair em tentação.

    Responder
  • Gisele Ferreira disse:

    Voce está errada,Julia,sites biblicos falam que quem ama é fiel sim,apesar de errar ser algo humano,traição não é erro,e sim uma escolha,porque voce já sabe que o que voce tá fazendo é errado.E se voce amasse seu namorado de verdade,voce renunciaria seu desejos,vontades e fugiria de todas as tentaçoes ao seu redor e por fim seria plenamente fiel a ele.

    Responder

Deixe seu comentário

(Cancelar a resposta.)