Saiba como combater as pontas duplas no cabelo em 7 passos

Não tem coisa mais irritante do que se deparar com aquelas pontas ressecadas e duplas no cabelo!

As pontas duplas costumam incomodar muitas mulheres. Isso acontece porque quando elas aparecem, a única solução que aparenta ser mais viável é a pior possível: cortar os fios, que ficam fracos e tão secos que começam a fazer nós com facilidade.

Mulher cortando o cabelo

Foto: © Depositphotos

E aí lá se vai toda a sua dedicação para ter um cabelo mais longo! Nem adianta insistir, pois as pontas duplas o deixam ressecado e até mesmo com uma aparência “apagada” e sem brilho…

Mas aí venho trazendo uma solução para você que está adiando o próximo corte. Você sabia que a tesoura não é a única solução para esse problema?

Leia também: Aprenda cortar a franja sem sair de casa

Se você adotar algumas mudanças de hábitos nos cuidados com os fios, em pouco tempo poderá perceber uma mudança significativa na textura e qualidade dos fios. Assim, você logo estará com um cabelo de propaganda de shampoo!

Antes de revelar quais são essas mudanças, quero que você entenda quais são as principais causas das pontas duplas.

As causas das pontas duplas

A ponta do fio é uma das partes mais velhas do cabelo, ou seja, ela já enfrentou boa parte das agressões diárias que, como resultado, enfraqueceram a fibra capilar e fazem com que se parte em duas ou mais partes.

Uma das principais causas das pontas duplas no cabelo é o ressecamento, que está diretamente relacionado ao fato de elas serem a parte mais antiga do seu cabelo.

Mulher com cabelo preso

Foto: © Depositphotos

Mas basicamente, a causa geral desse problema pode ser explicada como um desgaste mecânico e químico da estrutura superficial do cabelo.

Alisamento, exposição ao sol, cloro da piscina, uso constante de secador, chapinha ou baby liss e até mesmo a alimentação são alguns exemplos que podem contribuir e influenciar o aparecimento das pontas duplas.

Isso porque fazem com que a cutícula do cabelo – responsável por proteger os fios de agressões externas – se fragmentem.

Bom, agora acho que você quer descobrir como evitar as pontas duplas sem precisar cortar o cabelo, né? Confira quais são os 7 passos a seguir!

7 passos para combater as pontas duplas:

1. Cuidado ao pentear

O simples ato de pentear o cabelo pode fragmentar a cutícula protetora e fazer com que as pontas duplas apareçam.

Escovando o cabelo

Foto: © Depositphotos

Principalmente se você tem o hábito de escorregar o pente ou escova da raiz as pontas de uma só vez.

Então, quando for desembaraçar os fios o ideal é que se comece pelas pontas – local em que se encontram boa parte dos fios embaraçados – e vá subindo lentamente em direção a raiz conforme os nós forem desaparecendo.

2. Hidrate os cabelos toda semana

Uma ou duas hidratações semanais contribuem para evitar as temidas pontas duplas. Afinal, os cremes utilizados nesses tratamentos servem para repor nutrientes e também a água do fio.

Para um melhor resultado é interessante optar pelos cremes que possuem vitamina A e E, pantenol e Aloe e vera.

Prefira também as máscaras de hidratação intensa, aquelas as quais você deve passar de meia hora a quarenta e cinco minutos com o creme no cabelo.

3. Cuidados ao lavar o cabelo

Engana-se quem pensa que não é preciso ter cuidado ao lavar o cabelo e aplicar o shampoo. O ideal é que esfregue o produto de forma a massagear o couro cabeludo.

Mulher tomando banho

Foto: © Depositphotos

Quem costuma lavar os fios de forma agressiva pode acabar contribuindo para o aparecimento de nós e consequentemente das pontas duplas.

Afinal, lavar o cabelo deve ser um momento de limpeza do couro cabeludo e também cuidados com os fios em todo seu comprimento!

4. Beber água e cuidar da alimentação

Uma má alimentação, com alimentos pobres em vitaminas e sais minerais também prejudica as madeixas.

Para evitar o aparecimento das pontas duplas é interessante manter uma dieta balanceada, contendo os mais variados alimentos e ingerir bastante líquido ao longo do dia.

O motivo disso? A fibra capilar é composta de água, lipídios, sais minerais e queratina, quando faltam algum desses elementos os fios se quebram – e formam as pontas duplas – com mais facilidade.

Portanto, cuidar da alimentação e ingerir ao menos dois litros de água por dia contribui para manter o cabelo mais bonito.

Leia também: Alimentos que aumentam o brilho dos cabelos

5. Proteção térmica

Não consegue viver longe das escovas, chapinhas e até mesmo do baby liss? Invista na proteção térmica.

Os protetores térmicos são produtos feitos para serem passados no cabelo antes de alguma intervenção mais agressiva como as citadas acima.

Proteção térmica

Foto: © Depositphotos

Eles criam uma camada invisível que ajuda a proteger o frio das altas temperaturas, evitando os efeitos nocivos como o ressecamento.

Além disso, alguns protetores térmicos ainda deixam o cabelo mais brilhante e proporcionam uma maior duração da escova – seja ela lisa ou cacheada.

6. Óleo nos cabelos

Aproveite a hora do sono para deixar que os óleos de argan, cashmere, abacate ou coco reparem seus fios.

Basta espalhar de uma a três gotas nas pontas do cabelo antes de ir se deitar.

Enquanto você estiver dormindo, as fibras capilares se regenerarão de maneira mais rápida e eficiente pois enquanto o corpo está em repouso liberam hormônios que contribuem para o processo de hidratação.

Ao passar as gotinhas de óleo nas pontas você contribui para que os efeitos naturais de regeneração capilar sejam ainda melhores.

[Vídeo] Hidratação de cabelo com abacate e óleo de coco

7. Reconstrução capilar

Esse tratamento exige uma visita ao salão e pode ser feito de uma a duas vezes por mês.

Muito recomendado para quem vive fazendo químicas nas madeixas como tinturas, luzes e progressivas e até mesmo para você que não dispensa o secador e a chapinha nem por um minuto!

Mulher no salão

Foto: © Depositphotos

A reconstrução capilar devolve aos fios as proteínas perdidas e sua umidade natural, através de uma hidratação profunda.

O objetivo é reconstruir a massa capilar e evitar que as fibras se quebrem, gerando as pontas duplas.

Lembre-se de que cada tipo de cabelo recebe uma reconstrução capilar específica, então o ideal é pedir que o cabelereiro indique qual é o melhor tratamento para os seus fios.

Por Vivian Fiorio / Edição: Dona Giraffa

 • Queda de cabelo: conheça as possíveis causas do problema

Loading...
Seja o primeiro a comentar em Saiba como combater as pontas duplas no cabelo em 7 passos

Deixe seu comentário

Publicidade
Curta nossa fan page no Facebook
Publicidade
Publicidade

Não espere o futuro mudar tua vida, porque o futuro é a consequência do presente... Racionais Mc's