Seguro Auto: O Que devemos saber antes de contratar?

A frota de veículos no Brasil cresceu absurdamente nos últimos anos. Com isso, o número de acidentes também cresceu. Buscando minimizar os prejuízos causados por um possível acidente, a procura por seguros cresceu 11% em 2015 e o setor projeta um crescimento de 10,3% em 2016 mesmo em um momento de crise.

Seguro, carro

Foto: © Depositphotos

O seguro para automóveis no Brasil se divide em dois grupos:

• Seguro Obrigatório;
• Seguro Facultativo;

Seguro obrigatório

Denominado DPVAT, Danos Pessoais Causados por veículos de via Terrestre, este seguro é contratado de forma obrigatória, junto ao licenciamento anual do veiculo. Sua cobertura envolve apenas danos corporais aos ocupantes em caso de um sinistro.

Seguro facultativo

Conhecido como seguro de automóveis, pode ser contratado por pessoa física ou jurídica, de acordo com as necessidades e uso do veículo. Possui diversas coberturas para o segurado e terceiros envolvidos no sinistro, desde que contratado.

Ao contratar um seguro para automóveis, devemos analisar os itens abaixo para que não sejamos prejudicados em uma necessidade de uso no futuro. Fique atento aos valores de:

• Coberturas;
• Franquia;
• Assistência;
• Seguradora.

Vamos explorar cada item para que você defina seu contrato de seguro com mais segurança!

Coberturas

Ponto principal na contratação de um seguro, a cobertura deve ser analisada de acordo com a necessidade e uso do veículo. Veja quais são os tipos de cobertura que existem e escolha o mais adequado a você:

Tipos de Coberturas:

• Compreensiva
• RCF
• Incêndio / Roubo

Compreensiva

Conhecida como cobertura total, a cobertura compreensiva indeniza o cliente nos casos de:

• Roubo / Furto
• Colisão
• Incêndio

Carro batendo

Foto: © Depositphotos

RCF

Esta cobertura cobre apenas danos a terceiros, sua nomenclatura significa Responsabilidade Civil Facultativa de Veículos. Geralmente utilizada por veículos de empresas e cooperativas de taxi.

Incêndio

Como o próprio nome diz, esta cobertura cobre apenas incêndio. Porém, algumas seguradoras, com intuito de melhorar o produto, estão disponibilizando junto ao produto a inclusão de coberturas a terceiros.

Opções Adicionais as Coberturas

Buscando melhoras os benefícios do seguro contratado, algumas seguradoras disponibilizam algumas coberturas adicionais ao seguro contratado, entre elas:

• Vidros;
• Assistência Residencial;
• APP;

Vidros

O segurado pode contratar uma cobertura exclusiva para quebra de vidro, farol, retrovisor e lanterna. Nesses casos, o cliente paga apenas uma franquia estipulada para o produto e troca o item danificado.

Assistência Residencial

A cobertura de assistência residencial oferece ao segurado serviços como chaveiro, encanador, eletricista entre outros para sua residência. Geralmente, as seguradoras incluem estes serviços de forma gratuita como um diferencial ao segurado.

APP – Acidente Pessoal de Passageiro

Esta cobertura visa indenizar danos aos passageiros do veículo. Em caso de morte ou invalidez, o valor contratado é pago ao segurado ou dependentes.

Franquia

A franquia também é um item importante a ser observado na contratação do seguro, pois é o valor que o segurado deverá pagar em caso de sinistros parciais ou coberturas adicionais como:

• Troca de parabrisa, vidros laterais ou traseiro;
• Troca de Lanterna traseira;
• Troca de Farol;
• Troca de Retrovisor.

Trocar vidro do carro

Foto: © Depositphotos

Este item altera consideravelmente o valor do seguro e devemos nos atentar, pois caso o sinistro não ultrapasse a franquia, o segurado será responsável pelo pagamento total do reparo.
Assim, ao contratar um seguro, analise sempre as opções de franquia, que geralmente são:

• Franquia Normal / Básica.
• Franquia Reduzida (50% do valor da franquia básica)
• Franquia Majorada (200% do valor da franquia básica)

Assistência 24h

A assistência 24h é responsável pelo atendimento imediato após um sinistro. Assim, deve ser contratada de acordo com suas necessidades reais, pois as seguradoras cobrem exatamente o que está em contrato.

As principais assistências utilizadas são:

• Reboque;
• Táxi;
• Carro reserva;

Reboque

Principal cobertura da Assistência, o reboque pede atenção especial ao contratar o seguro, pois, na contratação, escolhemos a quilometragem que desejamos ser atendidos em caso de necessidade. Assim devemos escolher aquele que vai suprir as necessidades em caso de quebra ou colisão.

Na maioria das seguradoras, as opções de quilometragem disponíveis são:

• 200 km;
• 400 km;
• Ilimitado.

Assistência 24h

Foto: © Depositphotos

Táxi

O táxi acompanha a cobertura contratada pelo reboque. A seguradora disponibiliza o táxi para o segurado e demais ocupantes do veículo para que, em caso de sinistro, o mesmo termine o trajeto ou retorne à residência.

Carro Reserva

No caso de o uso do veículo ser indispensável, um ponto forte a ser analisado na contratação do seguro é a opção de incluir carro reserva. O mesmo é disponibilizado pela seguradora pela quantidade de dias contratados em caso de sinistro que necessite de reparo ou roubo. A disponibilização do carro reserva normalmente é feita através de locadoras de automóveis. Portanto, devemos também analisar algumas exigência solicitadas para a liberação do carro. Essas exigências geralmente são:

• O condutor ser maior de 21 anos;
• Possuir cartão de crédito em seu nome e ter limite para cobrir a franquia do veículo em caso de sinistro.

Outras Assistências

Além das assistências acima, as seguradoras oferecem outros serviços de acordo com o pacote contratado, segue os mais usuais:

• Chaveiro;
• Socorro por pane seca;
• Motorista da vez;
• Higienização por alagamentos;
• Remoção hospitalar.

Seguradoras

A empresa seguradora escolhida também deve ser analisada, pois é ela a responsável pelo atendimento em caso de sinistro ou indenização.

Existe um órgão no Brasil que regulamenta esta categoria, denominada SUSEP (Superintendência de Seguros Privados), em cujo site www.susep.gov.br é possível consultar e verificar o status das seguradoras.

Por fim, você poderá contratar com segurança a empresa que realmente irá atender suas necessidades.

Dicas

A precificação do seguro leva em conta os principais fatores:

• Idade do principal condutor do veículo;
• Tempo de habilitação do principal condutor do veículo;
• Sexo do principal condutor do veículo;
• Região de Circulação do Veículo;
• Se o segurado possui garagem ou estacionamento fechado para o veículo segurado;
• Qual a utilização do veículo (profissional locomoção diária ou lazer);
• Se o veículo possui dispositivos de Segurança (Rastreador via Satélite, Bloqueadores, alarme sonoro, etc.).

Ao passar essas informações ao seu corretor, não caia na tentação de mentir para diminuir o preço, pois em caso de sinistro a seguradora irá verificar todas as informações passadas e você não será indenizado se algo não bater.

Por Wagner Teixeira / Edição: Dona Giraffa

Seja o primeiro a comentar em Seguro Auto: O Que devemos saber antes de contratar?

Deixe seu comentário

Publicidade
Curta nossa fan page no Facebook
Publicidade
Publicidade

É um amor pobre aquele que se pode medir. William Shakespeare