Verdadeiro ou falso: conheça 7 mitos do casamento

O casamento é um processo de aprendizagem diária, onde marido e esposa estão sempre aprendendo um com o outro. Muitos definem como sendo um mistério e mesmo as mentes mais brilhantes não tem o poder de compreendê-lo plenamente. No casamento é preciso que ambos estejam aptos a investir e se doar, sempre com foco no que é melhor para o casal e não para um só.

Casal sorrindo

Foto: © Can Stock Photo

Mas podemos perceber a nossa volta que muitos casamentos acabam porque os cônjuges seguem governados e enganados por alguns mitos e não pela verdade. Existem pessoas que acreditam que têm que encontrar a pessoa perfeita para poder se casar e mesmo que estejam em um relacionamento duradouro, não valorizam o par como sendo essa pessoa, que de fato não existe e nunca existirá pela simples razão de que não somos perfeitos.

• 8 sinais de que você encontrou o amor da sua vida

Sem contar que essa é uma ideia que nos leva a crer que somos perfeitos e o nosso cônjuge é quem deve se adequar a nós e isso é um erro enorme na relação a dois. Outro ponto que leva ao término de um casamento é acreditar que se a pessoa que está do seu lado te ama, então jamais se sentirá atraída por outro alguém.

Com isso muitos acabam descuidando de sua aparência, fazendo com que o cônjuge acaba por apreciar a beleza alheia. É preciso entender que o amor tem que ser regado constantemente, pois isso faz parte do relacionamento bem cultivado. É importante saber que as mulheres são atraídas pelo que ouvem e os homens pelo que veem. Isso faz com que os homens devam se atentar às suas palavras e a mulher tomar muito cuidado com a sua aparência.

Casamento duradouro

Foto: © Can Stock Photo

Para um casamento duradouro e feliz, faz parte que a mulher cative sempre o seu esposo e ele tem que conquistar sempre a sua esposa. É fundamental se atentar a esses pontos, pois qualquer descuido com isso pode ser fatal para a estabilidade da união. Muitos esposos e esposas se apegam ao fato de que o cônjuge se casou sabendo como eles eram, então acreditam que nunca vão querer que eles mudem.

Isso é mentira, todos querem que as pessoas a sua volta mudem e sempre para melhor e com o esposo ou esposa não é diferente. É preciso que ambos tenham muita disposição para mudar, do contrário colocarão o relacionamento em perigo, o que afetará a felicidade do casal. A cada dia temos que estar aptos a mudanças, já que não somos como um molde acabado e que todos os dias nos fazemos iguais.

Leia também:

10 atitudes que acabam com qualquer relacionamento
10 razões para que as pessoas não terminem relacionamentos ruins

É fundamental não sufocar o cônjuge porque ninguém é feliz no casamento se perder a sua individualidade, pois ninguém pode se sentir confortável ao ser sufocado. Vale saber que a união a dois é formado por homem e mulher de universos distintos, portanto a ideia de almas gêmeas é uma ideia equivocada. Porém as diferenças existem para enriquecer o casal, complementar a relação conjugal.

Mas e quanto aos mitos do casamento? Saiba aqui quais são e como se livrar deles.

Mitos do casamento que levam os casais ao divórcio:

Existem por aí muitos mitos em relação ao casamento que os solteiros precisam conhecer. Isso porque se acreditarem serem verdadeiros, podem levá-los a separação matrimonial. Conheça 7 mitos do casamento.

1. Muita intimidade pode levar ao divórcio: (falso)

As pessoas que acreditam que o excesso de intimidade pode estragar uma relação, são pessoas que preferem estar em uma relação onde o oculto se torna uma conquista entre o casal. Porém, para especialistas, uma coisa não tem a ver com a outra, pois o casal sempre pode encontrar satisfação sentimental e sexual ao se tornarem muito íntimos.

Mulher de lingerie

Foto: © Can Stock Photo

É importante considerar sempre o bom senso para tornar a convivência mais intima de forma positiva e gostosa. Já imaginou a esposa se esforçar para acordar antes do esposo para se arrumar e fazer a sua higiene para que ele jamais a veja descabelada e sem maquiagem? O que estraga uma relação é a falta de respeito, sem a percepção do limite sobre o que é aceito e o que incomoda o outro.

2. Assim que casar, eu mudo nele (a) o que me incomoda: (falso)

Durante a fase do namoro, o casal se encontra em alguns momentos, ou seja, não estão juntos sob o mesmo teto. Geralmente esses encontram se resumem a atividades que dão prazer para ambos, como um cinema, um passeio, jantar, entre outros e com isso ambos querem aproveitar o momento, acreditando que depois do casamento terão muito tempo para mudar o seu parceiro, moldando-o conforme quiser.

Porém, após o casamento ambos acabam se dedicando a outras atividades, como filhos, trabalho e afazeres domésticos e se não conseguiu mudar algo quando ainda eram solteiros, ou seja, quando tinham mais tempo para se dedicar um ao outro, no casamento é muito mais difícil.

Mulher afazeres domésticos

Foto: © Can Stock Photo

Entenda que hábitos antigos, temperamentos e valores não são coisas fáceis de mudar em ninguém. Através do casamento é possível mostrar um ao outro o que é que incomoda no outro, porém não tem como um exigir que o outro mude sem que isso leve a uma briga ou discussão. A dica para esse caso é tentar mudar a nós mesmos, nos moldando aos costumes do outro para evitar uma briga e ver se conseguimos conviver com esses defeitos. (É possível mudar um homem?)

3. Jamais durmam brigados: (falso)

É claro que os problemas devem ser resolvidos o mais rápido para não virar uma bola de neve, porém é preciso ter cautela para não tentar resolver um problema de cabeça quente e acabar piorando a situação.

Casal durmir brigados

Foto: © Can Stock Photo

Vale saber que não são todas as situações que devem ser resolvidas no mesmo instante, mas pode ser melhor digerir o ocorrido e depois que a reação emocional passar e você compreender de forma mais clara tudo o que aconteceu, a conversa será mais produtiva.

4. Filho segura o relacionamento: (falso)

Se isso fosse verdade, não existiriam tantas crianças filhas de pais solteiros ou divorciados, não acham? É fato que o que fortalece o vínculo amoroso é a preparação que o casal se dá para lidar com a chegada de um filho, onde ambos têm uma mesma visão sobre a maternidade e paternidade. Jamais um casal pode dar a responsabilidade de sua união e felicidade a um filho.

Gravidez

Foto: © Can Stock Photo

Um filho requer um tempo do casal que jamais será investido na relação a dois, por isso é preciso que o casal adote um projeto de vida em comum antes da chegada de um filho. Um filho une mais o casal quando ambos realizam esse objetivo em comum.

5. Não importa o que acontecer, manteremos a chama acesa da paixão: (falso)

Qual casal consegue voltar ao primeiro amor? Manter o mesmo padrão de relacionamento das primeiras semanas juntos é impossível. O que o casal pode fazer é manter a qualidade, motivação e equilíbrio na relação, já que todos oferecem altos e baixos.

Coração apaixonado

Foto: © Can Stock Photo

Tudo na vida passa por mudanças, principalmente nas relações sexuais, onde o casal precisa focar em criar momentos que possam estimulá-la, porém o risco de nem sempre dar certo é enorme.

6. Ambos têm que estar de acordo para tomar qualquer decisão: (verdadeiro)

É fundamental saber que ceder não é abrir mão de seus valores, mas é tomar uma atitude inteligente para o bem da união. Por mais parecidos que o casal seja, sempre terá momentos que um discorde do outro e convencer um ao outro a mudar sua opinião pode resultar em conflitos e gerar até um momento desrespeitoso.

Conflito no casamento

Foto: © Can Stock Photo

O maior erro e que mais leva o casal a uma briga séria é o fato de sempre um ceder e quando este explode, perde a razão e acaba fazendo com que a situação vire uma briga. Com isso o risco da relação fracassar é imenso, pois quando um cede ambos precisam estar ciente de que o respeito deve sempre prevalecer.

7. Aceitar os defeitos um do outro para um relacionamento duradouro: (verdadeiro)

Saiba que todos têm seus defeitos, onde alguns possuem mais que os outros. O período do namoro existe para que o casal se conheça e aprenda a viver um com o outro. Então nesse período o casal precisa discutir tudo o que não aceitam um no outro. O maior problema é que muitos dos defeitos só aparecem quando há a convivência e isso pode afetar muito o outro.

Casal de costas

Foto: © Can Stock Photo

Lembre-se de que a comunicação é fundamental para evitar problemas maiores, onde o casal precisa sempre discutir uma mudança de hábito para que isso não se torne em algo grande o suficiente para causar uma separação.

Por Andreia Silveira / Edição: Dona Giraffa

• Oito mitos sobre o casamento

Loading...
Seja o primeiro a comentar em Verdadeiro ou falso: conheça 7 mitos do casamento

Deixe seu comentário

Publicidade
Curta nossa fan page no Facebook
Publicidade
Publicidade

Não espere o futuro mudar tua vida, porque o futuro é a consequência do presente... Racionais Mc's