Gravidez: quando minha barriga vai começar a aparecer?

A descoberta da gravidez é um momento único para qualquer mulher adulta, principalmente quando é a primeira gestação. Tudo é novidade e as futuras mamães começam a ficar ansiosas para ver os primeiros sinais claros da gravidez e, entre eles, com certeza está o crescimento da barriga.

mulher grávida

Foto: (c) Can Stock Photo

A primeira coisa que muitas mulheres fazem ao confirmar que estão grávidas é examinar a própria barriga. Mesmo que a gestação esteja ainda completando um mês, muitas procuram por sinais de inchaço e algo que mostre que o bebê já está ali, iniciando o seu desenvolvimento com saúde para vir ao mundo.

No entanto, o crescimento da barriga varia muito de mulher para mulher, sem que haja nenhuma relação com a saúde do bebê. No geral, a barriga começa a dar os primeiros sinais entre 12 e 16 semanas de gestação. Porém, algumas já percebem a barriguinha saliente com nove semanas, enquanto que outras chegam  na 16º semana com poucos sinais de barriga.

Para as mulheres que estão ansiosas para exibir o barrigão, o melhor conselho é esperar com calma e curtir cada momento da gravidez. Muitas desejam a barriga grande e, quando cresce de verdade, percebem que não é tão bom assim. Barriga grande também significa incômodos para dormir e dores na coluna, além de outros problemas rotineiros. Porém, a felicidade de sentir o bebê de verdade é algo mágico que supera todas essas dificuldades.

Barriga que cresce pouco

Não há motivos para se preocupar quando a barriga demora para dar sinais. Muitas vezes, isto pode ser explicado pela posição do útero, que varia de acordo com a mulher e influencia diretamente no tamanho da barriga. As mulheres que possuem o útero inclinado para trás provavelmente demorarão mais para ver a barriga grande, enquanto que as mamães com o útero para frente sentirão a barriga mais rapidamente. (Gravidas de barriga pequena)

Há outros motivos que podem justificar o pouco crescimento da barriga até o quinto mês de gestação. No entanto, é muito raro que a demora para o aumento da circunferência abdominal indique algum problema com o bebê. Além disso, mesmo no fim da gravidez é possível perceber uma grande variação no tamanho das barrigas das gestantes. Enquanto algumas realmente ficam muito barrigudas, outras possuem uma saliência muito menor na região.

Veja outras possibilidades para barriga pequena:

Volume do líquido amniótico: a quantidade varia muito de mulher para mulher e influência no tamanho e no inchaço da barriga. A partir do quinto mês de gravidez, é possível descobrir o volume com exames. (Líquido amniótico)

Excesso de gordura: para as gordinhas, é difícil identificar a barriga de grávida e, em alguns casos (raros mais existem) a mulher acaba descobrindo a gravidez no final da gestação. Quando os sintomas não são muito evidentes e a barriga não dá sinais de gestação, fica difícil saber que está realmente esperando um bebê.

Fatores genéticos: a própria anatomia do corpo pode influenciar no tamanho da barriga durante toda a gestação. Até mesmo em mulher muito magras, as vezes o abdômen não sofre grandes alterações, ficando levemente avantajado durante toda a gestação. Motivos para se preocupar? Nenhum!

Mitos

É comum que passem muitas ideias pela cabeça das mamães durante a gravidez, principalmente quando nem tudo ocorre como o esperado. Ao falar em gravidez, a maioria das pessoas imagina uma mulher barriguda e, nem sempre essa imagem descreve com perfeição a realidade de todas as mamães.

foto mulher grávida

Foto: (c) Can Stock Photo

Quando começam a surgir as preocupações pelo tamanho da barriga, muitas mulheres tendem a pensar na possibilidade de ter algum problema com o bebê, o que é o principal mito relacionado ao crescimento da barriga na gravidez. Veja as principais preocupações que não possuem fundamento real:

• Má formação do feto;

• O bebê está crescendo menos do que o esperado;

• Se a barriga demorar para crescer, ficará pequena até o fim da gravidez;

• Barriga que aparece rápido irá crescer muito até o nono mês.

Todas essas ideias são as “minhocas” que a tensão e a preocupação colocam na cabeça das gestantes. Como o crescimento da barriga varia muito de mulher para mulher, há gestantes que percebem um aumento da circunferência rapidamente e, após alguns meses, a barriga estagna e não cresce mais até o fim da gestação. (Galeria de fotos: Barrigas de 10 semanas)

Em outros casos, a barriga demora para aparecer, podendo dar os sinais até mesmo no 20° mês de gestação. No entanto, o processo de aumento da barriga pode ocorrer rapidamente e deixar a gestante com uma circunferência enorme até o último mês. Tudo vai depender da genética e dos fatores de influência em cada mulher.

Exames em dia

É natural que as mamães se preocupem durante a gravidez, pois a ansiedade para sentir a formação do bebê e a vontade de ter a criança logo nos braços é um sentimento que só quem já teve filhos pode entender. Além disso, há muitos casos de anomalias, problemas com o feto e muitas outras situações que podem causar pânico só de imaginar.

mulher grávida fazendo exames

Foto: (c) Can Stock Photo

Porém, os casos de problemas reais com o bebê são raros e podem ser identificados facilmente com os exames médicos. A partir do 5° mês de gestação, é possível que a mamãe obtenha todas as informações mais relevantes com relação ao bebê. O volume do líquido amniótico, o peso, a formação dos órgãos do feto, o sexo e outros dados que podem acabar com o suspense do tamanho da barriga. (Lista de exames importantes na gravidez)

Para ter uma gravidez tranquila, basta fazer o acompanhamento médico necessário e seguir todas as indicações, ficando longe de cigarros e bebidas alcoólicas. Se tudo for feito da maneira correta, não há motivos para se preocupar com a saúde do bebê. Apenas aproveite o tempo especial da gravidez para curtir cada etapa, cada sintoma e cada transformação no organismo, mesmo que seja pequena.

Por Ana Paula Bretschneider / Edição: Dona Giraffa

Mais sobre este assunto:

Conheça 18 sinais que você pode estar grávida

Produtos que podem ser abortivos para mulher

Gravidez psicológica

Sintomas comuns da depressão pós-parto

Engravidar depois dos 40 anos

Loading...
2 Comentários em Gravidez: quando minha barriga vai começar a aparecer?
  • claudia disse:

    OI!!! estou gravida do meu segundo filho,estou com 80 kg e tenho 168 de altura minha barriga vai aparescer logo pois sou gordinha?

  • Luana disse:

    Uma observação:em um parágrafo acima diz:Algumas já percebem barriguinha saliente com 9 MESES e outras só com 16 MESES… não seriam semanas?

  • Deixe seu comentário

    Publicidade
    Curta nossa fan page no Facebook
    Publicidade
    Publicidade

    A glória deve ser conquistada; a honra, por sua vez, basta que não seja perdida. Arthur Schopenhauer