Porquinho da índia: cuidados, alimentação, tamanho, gaiolas e filhotes

Atualmente, muitas pessoas optam por morar sozinhas, pela independência, liberdade, entre outros motivos. Quem gosta de animais, muitas vezes, procura um bichinho de estimação para ser a companhia no lar. Nada mais gostoso do que chegar em casa e ter um rabinho abanando, ou um miado de boas vindas ou ainda simplesmente um ser peludo e fofo para você cuidar e observar.

porquinho da índia cuidados

(Foto: Divulgação)

São inúmeros os animais que podem ser criados como pet de estimação, e a pessoa precisa ver com qual ela mais se identifica e para qual tem condições de dar uma vida adequada. Um desses animais fofinhos e divertidos e o porquinho da índia.

Pequenino, lindo e bastante ativo, o porquinho da índia vem ganhando espaço como pet de estimação. É uma ótima opção de bichinho para adultos, ou crianças com mais de 10 anos de idade. As crianças pequenas, podem não entender as necessidades do bichinho, e acabar machucando-o.

Preparando a casa

Antes de levar o porquinho para casa, é necessário prepará-la para recebê-lo. Veja como:

• Compre uma gaiola apropriada para o porquinho. Claro que ele não pode passar o tempo todo nela, mas quando você precisar acomodá-lo em um local, ou até mesmo a noite, para não ter perigo de alguém sem querem esbarrar no pet no escuro e acabar machucando-o, uma gaiola é essencial. O tamanho mínimo é de 80 cm por 80 cm, mas procure comprar um maior para que ele tenha mais conforto. (Gaiolas para roedores)

• Se ele for ficar fora de casa, você precisará comprar um abrigo apropriado, que é coberto em cima e na lateral. Não se esqueça de telar uma parte do quintal, para que ele fique seguro e é claro, telar em cima também, para que o porquinho não vire alimento de nenhum outro animal.

• Compre um bebedouro. De preferência o para cobaias, que pode ser acoplado na gaiola e mantém a água mais limpa.

• Providencie um pote de cerâmica e bem pesado para colocar o alimento. É importante que ele seja pesado para que o porquinho não o vire.

• Dentro da gaiola, você precisará colocar cama, que é uma cobertura no fundo para absorver a urina e deixar o pet limpinho e sequinho. Não coloque serragem, pois ela pode causar problemas respiratórios. Prefira maravalha, própria para essa finalidade, que pode ser facilmente encontrada em petshop.

• Deixe alimentos em casa, para poder oferecer quando ele chegar. Além da ração apropriada para porquinho da índia, você pode dar cenoura, beterraba, maça, feno de alfafa, pêra, melão, entre outros.

Cuidados gerais e dicas

Nos primeiros dias do bichinho, deixe-o mais a vontade. Lembre-se que ele acaba de passar por uma mudança e pode até mesmo, querer dormir mais. Deixe que ele fique mais quietinho.

porquinho da índia na grama

(Foto: Divulgação)

• Troque a água todos os dias, pois ele precisa de água fresquinha para ser saudável.

• Troque a cama da gaiola dia sim dia não. Lembre-se sempre que porquinho limpo é porquinho saudável;

• Uma vez por semana, além de trocar a cama, lave a gaiola toda e seque bem antes de colocar o bichinho nela novamente;

• Solte-o todos os dias para que ele possa se exercitar e correr;

• Coloque brinquedos apropriados na gaiola. Há vários feitos com madeira atóxica, que podem ser deixados para que ele brinque e roa;

• Não espere que o bichinho se comporte como um cão. Com o tempo ele vai te reconhecer, mas não ficará direto te procurando e nem irá pedir para que você coce a barriga dele. Eles gostam da sua companhia, mas sem exagero. São mais “reservados” do que um cachorro;

• Nunca medique o seu bichinho em casa. Ele é pequenino e muito sensível. Uma gota de um remédio humano pode ser suficiente para matá-lo intoxicado. Caso note algo diferente nele, leve-o ao médico veterinário especializado em pets exóticos, para que seja examinado e tratado;

• Sempre deixe um abrigo para ele, quando for criado fora de casa. Ele precisa ter como se esconder tanto do sol excessivo, quanto da chuva e do frio. Lembre-se disso e mantenha um abrigo coberto, confortável e bem limpinho para o porquinho;

• Se for ter um casal, para que um faça companhia ao outro, leve ao veterinário para que um deles seja castrado. Isso evitará que você fique cheia de filhotinhos pela casa;

• Com apenas dois a três meses de idade, eles já podem se reproduzir.

• As fêmeas entram no cio a cada 15 a 17 dias durante o ano todo. A gestação dura em média 50 dias e ela pode ter de 1 a 7 filhotinhos.

Um porquinho da índia pode viver mais de 7 anos, e por todo esse período precisará da sua atenção, cuidado e muito amor.

Por Milena Godoy / Edição: Dona Giraffa

Loading...
3 Comentários em Porquinho da índia: cuidados, alimentação, tamanho, gaiolas e filhotes
  • Juliana Meireles disse:

    Boa tarde tenho 2 porquinhos da índia macho e um deles está muito quietinho e respirando mais rápido do que o normal isso aconteceu hoje mas notei uns dois dias atras que estava mais lento o que devo fazer por que hoje não tem veterinária aberta já dei um banho sequei com secador e notei na traseira dele como se estive machucado então sequei e passei agua oxigenada para limpar e também estava mal cheiroso ….. Me ajude por favor estou preocupada com ele.

    desde já obrigada.

  • Élida Amarante disse:

    Bom dia. Gostaria de saber se posso deixar a ração a noite toda para minha porquinha Pipoca, ou se devo retirar na hora de dormir.
    Obrigada.

  • Lara Dantas Souza Torquato disse:

    Muito bom, vou fazer isso tudo com o meu porquinho da índia.

  • Deixe seu comentário

    Publicidade
    Curta nossa fan page no Facebook
    Publicidade
    Publicidade

    Amar não é olhar um para o outro, é olhar juntos na mesma direção. Antoine de Saint-Exupéry