9 dicas para economizar nas compras do material escolar

Virada de ano é época de renovar. Parece que uma nova energia, novas esperanças invadem as nossas vidas. A vontade de uma vida nova, de mudar o que não está bom e de recomeçar algo que por algum motivo teve que parar, mas sente falta, entre outras novidades e alterações na vida vem à tona! Tudo lindo e muito bom, mas não é só isso. Com o final de ano e começo de outro, vem os gastos, que não são poucos. Você precisa estar preparada para isso!

Materiais escolares 2014

(Foto: Divulgação)

São os impostos, seguro do carro, anuidade do conselho que rege a sua profissão, IPTU e para quem tem filhos, as enormes e caras listas de material escolar! Algumas escolas dão uma lista tão grade que comprá-la acaba saindo mais caro do que pagar a própria mensalidade do local. É difícil entender porque uma criança precisará de quatro resmas de papel, mas, em alguns lugares, a escola pede mais do que isso.

O ideal é você se preparar para esse gasto extra. Uma ótima oportunidade é a de guardar parte do seu décimo terceiro, ou se possível ele todo, para que você pague essas contas extras. Além de se preparar financeiramente, há algumas dicas que podem ajudar a economizar nessa compra.

Separamos algumas dicas para te ajudar a começar o ano de 2014 mais tranquila. Confira:

1. Faça uma lista do que ainda tem do ano anterior:

Muitos materiais podem ser reutilizados de um ano para o outro. Faça uma verdadeira busca pela casa:

• Tente encontrar caderno quase sem uso,
• O estojo e a mochila do ano anterior,
• Lápis de cor,
• Giz de cera entre outros itens que não acabaram e podem ser usados pela criança.

Junte tudo e já risque da sua lista de compras.

2. Explique para a criança porque economizar na compra do material escolar:

Se o seu filho ou filha vai junto para comprar o material, é importante que antes de saírem às compras você explique que terão que gastar menos. Diga que tem que economizar e conte o porquê. Pode ser porque você quer comprar algo, precisa pagar uma conta maior ou algo assim. Explicando isso para a criança ficará mais fácil dela colaborar.

3. Deixe a criança em casa:

O melhor mesmo, é explicar que terá que economizar e não levá-lo para fazer compras. Se a criança estiver com você, será muito mais difícil, mesmo que ele saiba da economia, você conseguir comprar o material mais barato.

4. Una-se com os outros pais:

Uma compra grande sempre tem a chance de ganhar um bom desconto. Se você conhece os outros pais da mesma turma e que têm a mesma lista de compras, reúna-se com eles. Combinem de fazer uma lista só para depois pesquisarem os preços e conseguirem um bom abatimento.

5. Compre livros usados:

Os livros custam muito caros e não precisam ser novos, para serem usados. Você pode tanto procurar os pais que tiveram filhos no ano anterior na mesma série que o seu está agora e propor a compra, quanto procurar em sebos. Se em sua cidade não tiver sebo, há um sebo virtual muito completo, chamado “estante virtual”. Você pode conseguir algo lá. No geral, você consegue diminuir os custos com livros para menos da metade!

6. Veja o que será usado no início do ano:

Nem tudo o que é pedido na lista é usado logo no início do ano. Veja na escola o que é necessário para o começo e, se possível, deixe o restante para depois. Os preços do material escolar costumam cair muito com o passar dos meses e você poderá pagar menos.

7. Compras pela internet e parcelamento:

Se você conseguiu guardar um dinheirinho para esse gasto, o melhor é pagar a vista. Agora se não conseguiu, o mais interessante é procurar as lojas que oferecem o parcelamento no cartão, sem cobrar juros. Para isso, o mais fácil é a internet. Há várias grandes lojas que vendem material escolar e podem oferecer o parcelamento sem juros. Além disso, muitas lojas online possuem um preço bem melhor que as lojas físicas. Fique atenta!

8. Pesquise muito:

Antes de sair de casa, verifique os preços online e anote as facilidades de pagamento, se você precisar disso. Depois, faça uma lista das lojas na qual pode ir a sua cidade. Pesquise em todas, pergunte se tem desconto ao fazer a compra inteira na loja. Se não conseguir desconto, compre o que estiver mais barato em cada uma delas. Vale à pena.

9. Seja legal com o vendedor:

Um vendedor bem tratado por você retribuirá naturalmente a sua gentileza. Converse com ele e explique que precisa gastar pouco, pois não está em condições de fazer compras muito caras. Claro que ele entenderá porque provavelmente passa pelo mesmo com a lista escolar das crianças. O vendedor mais do que ninguém, sabe o que tem na loja e como encontrar os produtos com menores preços. Olhe a qualidade e não a marca. Nem sempre porque determinado item não tem uma marca famosa que ele vai ser pior do que o que tem.

Tenha bastante jogo de cintura e não saia afobada, comprando o primeiro item que vê pela frente. Com calma e cuidado você pode gastar muito menos!

Por Milena Godoy / Edição: Dona Giraffa

Loading...
1 Comentário em 9 dicas para economizar nas compras do material escolar
  • Lane Miranda disse:

    Adorei as dicas, muito boas e já utilizo algumas delas.
    Agora uma dica melhor ainda que vcs poderiam dá era dicas de sites de confiança (se é que vcs conhecem). Pois assim nos facilitaria muito.

  • Deixe seu comentário

    Publicidade
    Curta nossa fan page no Facebook
    Publicidade
    Publicidade

    Amar não é olhar um para o outro, é olhar juntos na mesma direção. Antoine de Saint-Exupéry