Cuidados com os filhotes de gatos

Há vários tipos de animais de estimação que você pode optar por ter, mas antes de escolher um, é preciso saber qual mais se identifica com seu ritmo de vida. Para quem tem pouco espaço e precisa ficar muitas horas por dia fora de casa, trabalhando ou fazendo qualquer outra atividade, um gatinho pode ser uma ótima opção de pet, pois eles se adaptam melhor a ausência do dono e vivem bem até mesmo dentro de apartamentos. (Confira as vantagens de se ter um gato como animal de estimação)

filhote de gato

Foto: (c) Can Stock Photo

Antes de levar um filhotinho de gato para casa, a pessoa precisa preparar tudo para recebê-lo e evitar que acidentes ocorram. Além disso, todo tem que estar adequado para que ele não sofra muito com o desmame e consiga viver bem com a nova família.

O que ter em casa antes da chegada do filhote?

Antes de buscar o bichano escolhido, providencie as seguintes coisas:

• Caminha:

Você pode tanto comprar uma caminha especial para gatos, quanto improvisar em cassa. Gatos adoram caixinhas. Separe uma caixa de papelão pequena, pode ser uma caixinha de sapato, e dentro dela coloque paninhos quentes e uma almofadinha. Lembre-se apenas de que a lateral da caixa escolhida, não pode ser muito alta, para que o gatinho entre e saia dela quando quiser.

• Ração:

A ração precisa ser para filhotes. No primeiro dia, como ele ainda é muito novinho, pode não conseguir comer a ração seca. Nesse caso umedeça a ração para facilitar ou, dê a ele a ração úmida para gatos filhotes. Ela é mais fácil de ser ingerida. Assim que notar que o pet consegue comer a ração seca, de apenas essa para ele.

• Pote de comida e de água:

Ele precisa de dois potinhos, de lateral baixa, para comida e água. Gato gosta de água bem fresquinha. Por isso, troque a água da vasilhinha várias vezes por dia e deixe-a bem perto da de ração, para que fique mais fácil ele encontrá-la quando tiver sede.

• Caixinha de areia:

Pode ser que nos primeiros dias, se o bichano for muito pequenino, ele ainda não faça o coco e o xixi na areia, mas logo aprenderá. Gato é um bichinho muito inteligente e limpinho. Tenha uma bandeja sanitária e areia especial para gatos, colocada em um cantinho do lugar no qual o felino irá ficar. Assim que ele chegar, mostre a arei para ele. Se ele fizer xixi ou coco em outro lugar, leve o coco para a caixinha ou umedeça um pouco de areia e leva à bandeja. Depois o coloque em cima, para que ele sinta o cheiro. Ele logo aprenderá. Nunca esfregue o nariz ou faça gestos brutos, pois ele pode entender que a bandeja sanitária é algo ruim e não voltará mais lá.

• Grades:

Janelas precisarão ter telas para que ele não fuja. Isso é mais importante ainda, se o bichano for ser criado em apartamento.

• Brinquedos:

O filhotinho vai brincar muito, subir nas cortinas, no sofá e se divertir pela casa toda. Você tem duas opções. A primeira é ir a uma petshop e comprar brinquedinhos para ele, feitos especialmente para gatos. A segunda e mais econômica é fazer esses brinquedos em casa. Faça bolinha de papel e amarre em um barbante preso na maçaneta de porta, ele vai adorar. Guarde os rolinhos de papel higiênico e dê para ele. Viram ótimos brinquedos.

Nos primeiros dias:

Deixe água fresquinha e ração disponível para o pequeno e trate dele com muito amor e carinho, afinal, é um bebezinho. Leve-o ao médico veterinário para que seja vacinado e tome os vermífugos necessários. Converse com ele também para que indique um anti pulgas, para controle de ectoparasitas.

Sempre ofereça apenas ração de filhote específica para gatos. A ração de adulto ou de cão, não tem tudo o que o gatinho precisa e não deve ser dada. Até os 12 meses de idade, ele deve comer apenas ração de filhote. Depois disso, esta pode ser substituída pela de adulto.

Programe-se também, para castrar o bichinho. A castração é muito importante, pois evita que a fêmea emprenhe, diminui as fugas dos gatinhos machos e quase para a demarcação de território, ou seja, o machinho não espirrará mais xixi nos móveis. Com amor e carinho, o filhote de gato se transformará em uma ótima companhia para toda a família.

Por Milena Godoy / Edição: Dona Giraffa

Loading...
1 Comentário em Cuidados com os filhotes de gatos
  • Nina disse:

    Se o filhote for muito pequenininho deve tomar leite. O ideal é o da mãe, mas se não for possível, pode ser outro tipo de leite. Mas se já estiver maiorzinho, deve comer a ração ideal para filhotes. Nunca devemos umedecer a ração, nem para filhotes nem para gatos adultos. Por favor, corrija isso. Pode fazer mal para os rins dos gatinhos. Fora isso, o post está excelente, parabéns!!

  • Deixe seu comentário