Cólica menstrual

Você já sofreu com a cólica menstrual? Se sua resposta é “Não”, saiba que é uma sortuda, pois grande parte das mulheres já passou por isso, nem que seja em uma pequena fase da vida. Se sua resposta é “Sim”, você sabe bem o quão incomoda ela é. Atrapalha tanto a rotina diária que até mesmo o rendimento no trabalho pode cair nesses dias. Também, quem consegue se concentrar sentindo dor? O pior de tudo é que muitas vezes, ela vem tão forte que nem o medicamento dado pelo médico para aliviá-la faz efeito direito.

cólica menstrual forte

Foto: (c) Can Stock Photo

A cólica ocorre porque o organismo libera um hormônio chamado de prostaglandina. É ele que faz o útero se contrair e consequentemente, eliminar o endométrio (camada do útero que é preparada para acomodar o bebê que não veio). Se por algum motivo o organismo resolver secretar mais prostaglandina do que é necessário, a cólica pode ocorrer. Se não for isso, há várias outras causas da cólica como alguma alteração anatômica do aparelho reprodutivo a existência de um mioma, uma doença chamada de endometriose, entre outros.

Se você não conhece os sintomas, provavelmente já ouviu alguma amiga se reclamar deles. É uma dor nada agradável na região ventral. (Sintomas da menstruação). Há mulheres que a sentem bem fraquinha, já outras sofrem muito e precisam até parar no médico para tomarem um remédio mais forte. A boa notícia é que tem solução. Deve-se procurar um médico para que ele pesquise a causa da sua cólica. Se for hormonal, há pílulas que podem ajudar a aliviar ou até mesmo eliminar o problema. Em casos graves há anticoncepcionais que podem ser receitados, que fazem com que você pare de menstruar e com isso, acaba a sua cólica. Caso seja algum outro problema, como um mioma ou algo assim, o tratamento específico dele vai poder eliminar a cólica. O médico também pode passar medicamentos para aliviar a dor, enquanto o diagnóstico definitivo não é feito.

Dicas para aliviar a cólica menstrual

Lógico que a primeira coisa que você precisa fazer é conversar com o médico, para que ele te examine, peça os exames necessários e indique o melhor tratamento para você. Há diversas pílulas no mercado que podem ser administradas e ajudam a eliminar tanto a cólica quanto os outros sinais de TPM. E o seu problema não for hormonal, ele poderá descobrir o que é e tratar, para que você sofra menos. Afinal, não é nem um pouco agradável ter cólica todo mês.

cólica menstrual bolsa de água na barriga

Foto: (c) Can Stock Photo

Enquanto o diagnóstico e o tratamento não são feitos, há algumas alternativas para você tentar aliviar o problema:

• Já está com cólica? Deite de bruço, comprimindo a barriga:

Você pode colocar um travesseiro e apoiar a barriga sobre ele. Isso ajuda aliviar a dor. Você pode também deitar de lado, dobrar os joelhos e levar a perna em direção à barrica e entre as penas e a barriga colocar um travesseiro. Essas técnicas não vão fazer passar, mas aliviam muito a dor.

• Pratique pilates:

Tudo bem que essa técnica está famosa por ajudar a aliviar as dores da coluna, mas como ela ajuda a diminuir a tensão, acaba colaborando com a diminuição da cólica. Durante o período menstrual ele também pode ser feito, mas os exercícios são um pouco diferentes.

• Exercícios:

Por se falar em fazer exercícios, pratique exercícios aeróbicos como caminhadas e ciclismo. Eles fazem o corpo liberar endorfinas consequentemente diminuir as dores.

• Chás:

Os chás podem ser ótimos aliados nessas horas. O chá de Angélica chinesa tem efeito antiespasmódico e o de Himatanthus lancifolius funciona como analgésico. Tem também o chá de canela, que alivia muito a dor. (Chá de canela pode acelerar a menstruação)

• Bolsa de água quente:

A velha e boa bolsa de água quente também é uma ótima aliada para quem já está com dor. Coloque uma bolsa onde sente a dor e uma nas costas, na parte de traz de onde a dor é sentida. Com o calor os músculos ficarão mais relaxados e a dor diminuirá.

• Homeopatia:

Como alternativa, se você fizer uso de homeopatia, pode conversar com seu homeopata para que ele indique um tratamento. Calcarea Carbônica, Sépia e Caulophyllum são as mais usadas nesse caso, mas como na homeopatia o indivíduo é tratado como um todo, isso pode variar de acordo com o seu histórico.

• Acupuntura:

 Há também alguns tratamentos com acupuntura que podem ser muito úteis para aliviar a cólica.

Enquanto você e seu médico não encontram uma solução definitiva para a sua cólica, procure ficar mais quieta nesses dias, sem passar por situações estressantes. Em caso de crises de cólica muito forte, procure um hospital para que possam aplicar algo que melhore na hora.

Por Milena Godoy / Edição: Dona Giraffa

Loading...
Seja o primeiro a comentar em Cólica menstrual

Deixe seu comentário

Publicidade
Curta nossa fan page no Facebook
Publicidade
Publicidade

Só existe uma lei no amor; tornar feliz a quem se ama. Stendhal