Brigamos, terminamos. E agora?

Ao entrar em um relacionamento mais serio, todo mundo quer que ele seja muito duradouro, e se possível, eterno, não é mesmo? Bom se tudo fosse sempre perfeito, sem brigas nem discussões. Estar ao lado da pessoa amada sem nenhum tipo de atrito seria realmente o paraíso, mas… Você sabe que as coisas não são assim e as brigas acontecem. Brigou? Terminou? Calma, o mundo não vai acabar!

briga no relacionamento

Foto: (c) Can Stock Photo

Muitas vezes, uma crise chega para nos abrir os olhos e mostrar o resto do mundo, o quanto estamos perdendo por estar em um relacionamento que já não é mais tão bom quando era, que já não nos completa mais. Pode ter chegado a hora de você deixar a vida fluir mais livremente, conhecer novas pessoas e por que não, experimentar novos amores. Se a relação está desgastada, uma briga pode ser a hora certa de você notar isso e recomeçar. Ao mesmo tempo, essa discussão pode não significar nada e dias depois estará tudo bem. (Quando chega a hora de desistir de um homem)

Todo mundo passa por brigas e muitas vezes a relação chega até a terminar, mas se desesperar é pior. Nesse momento você precisa ter calma e refletir:

• Você quer realmente estar com essa pessoa?
• A relação de vocês estava valendo à pena?

Enfim, são tantas as perguntas, mas, algumas atitudes sua podem fazer com que a situação não fique ainda pior.

Vá para casa e reflita

Tentar resolver as coisas com a cabeça quente, só vai piorar tudo. Vá para casa, se acalme, e se for preciso espere dois, três, quatro dias ou mais, antes de sentar para conversas com a pessoa. Não adianta você sair em desespero que certamente a briga só vai piorar. Nesses momentos de raiva, você vai acabar falando muito além do que deve e não é hora para isso. Falar demais, o que sente e o que não sente, só piorará tudo.

Aproveite para pensar se você está realmente feliz com a relação. Às vezes o tempo vai passando, o namoro vai se desgastando, ou a paixão vai acabando e continuar namorando por comodidade ou apenas para não só, não é justo nem com você nem com o outro. Pode ser que vocês já estejam há tempos sendo apenas bons amigos e não tenham notado. Veja se não é esse o caso. Reflita bastante e nunca resolva nada na hora do nervosismo. (O que é o amor verdadeiro?)

Conversem com calma

Ambos mais calmos? Hora de conversar. Marquem se de encontrar em um lugar no qual possam conversar com tranquilidade. Vá em paz. Conversem e cheguem a um acordo. Se o fim da relação realmente for o melhor a ser feito, ou se a outra parte já não sente mais nada por você, é hora de acabar.

casal sentando no parque conversando

Foto: (c) Can Stock Photo

Afinal, ambos merecem ter ao lado alguém por quem estejam apaixonados e que esse sentimento seja correspondido. Fale o que sente abertamente, mas saiba ouvir também e respeitar os sentimentos e as decisões do parceiro.

Já que tudo acabou mesmo…

Mesmo que o término seja em comum acordo, sempre há a dor da separação e do fim de uma relação que foi bonita. Isso é perfeitamente normal e ocorre não apenas entre namorados, ou marido e mulher. Qualquer relação rompida, entre colegas, amigos ou outros, é um processo doloroso para as duas pessoas, por mais que elas saibam que foi o melhor caminho o escolhido.

-> Por que é tão difícil aceitar que o relacionamento acabou?

Para diminuir o sofrimento e começar a aproveitar a vida de solteira ou de solteiro ou até ir à busca de um novo amor, se afaste um pouco, não apenas do ex ou da ex, mas da família e se possível dos lugares que iam com frequência. É claro que você não vai precisar quebrar os vínculos com todo mundo, mesmo porque em um namoro longo, é comum que haja um envolvimento com a família, mas se afastar por um período vai ajudar a esquecer e recomeçar.

Procure novas atividades

Ocupe a mente e o espaço de tempo, que antes era usado com o namoro, para fazer coisas divertidas. Saia com os amigos, assista a filmes, leia livros ou comece um novo curso! Divirta-se fazendo as coisas que mais gostar e não fique ocupando o pensamento com o que já acabou.

Lembre-se que a relação chegou ao fim, mas a vida continua linda, disponível para você aproveitá-la da melhor maneira. Não a deixe ficar passando enquanto você está chorando por algo que já não existe. Vá aproveitá-la e fique sempre de olhos abertos, pois o grande amor da sua vida existe e pode estar mais perto de você do que você imagina!

Por Milena Godoy / Edição: Dona Giraffa

Loading...
3 Comentários em Brigamos, terminamos. E agora?
  • Ana disse:

    Ou seja, segundo o site; não tenta reatar. Brigou, termina logo. Achei muito superficial e adolescente

  • Nilda Alves de Oliveira disse:

    Obrigada pela parte onde “já que acabou tudo mesmo” e “procure novas atividades”
    Vai ajudar bastante esses conselhos.
    Bjss.

  • Rosângela Oliveira disse:

    Gosteii das dicas, mas o mais dificil msm quando há brigas bobas direto
    mas os 2 gostando um do outro. O jeito é Separar msm assim?! Dificiil né.

  • Deixe seu comentário