Depilação na virilha: dicas e cuidados

Por ser uma área delicada devido à finura da pele, muitas mulheres sofrem ao se depilarem. Alguns cuidados devem ser tomados caso você queira evitar certos probleminhas nessa área, como escurecimento da pele, formação de bolinhas e crostas, descamação e proliferação de fungos e bactérias.

mulher depilada

Foto: (c) Can Stock Photo

Qual método utilizar?

Cera quente

Todo tipo de especialista já palpitou sobre isso. Médicos, dermatologistas e esteticistas ainda acreditam que a cera quente ainda é o melhor método. Mas nem toda mulher aguenta a dor e muitas vezes, esperar os pelos crescerem o suficiente não é uma coisa muito prática.

A cera arranca os pelos em sua raiz, e com a frequência, faz com que eles nasçam em menores quantidades. Mas, como todo método depilatório, a cera também tem suas desvantagens: seus pelos podem encravar ou até mesmo inflamarem caso a depilação não tenha sido corretamente ou se você for muito sensível à dor.

Cera fria

Também retira os pelos pela raiz. No entanto, é um pouco mais dolorido e pode irritar ainda mais a pele. Por ser fria, ela não irá dilatar os poros da pele como a cera quente faz, o que causa mais dor do que o comum.

Gilete

Depilação sem dor e sem complicação. Por isso a gilete é a queridinha de muitas. Porém, para se manter a região sem pelos, é preciso uma manutenção a cada 2 dias, o que acaba agredindo a região.

O escurecimento da pele ocorre devido ao atrito da lâmina. Para barrar esse processo, nunca se depile a seco. Procure fazer durante o banho, com o uso de sabonetes ou cremes. Os pelos encravados também podem ser um problema bem incômodo.

Alguns cuidados

Existem outros métodos depilatórios, como cremes e aparelhos elétricos.

– Os cremes funcionam como a lâmina, com a vantagem de não causar os problemas que ela causa. Atente para a composição do produto e faça o teste de alergia.

– Já os aparelhos elétricos são como a cera, mas também podem ser mais doloridos. Além disso, o aparelho custa um pouquinho mais caro.

Dicas finais

1. O ideal é escolher seu método a partir do que você irá fazer. Para uma viagem à praia, a depilação com cera é mais interessante por durar mais.

2. Já no dia-a-dia, a gilete é mais prática. Procure usar giletes mais novas, pois elas acumulam bactérias e fungos.

3. Exija ceras sempre fresquinhas.

4. Faça uma esfoliação 3 dias antes de se depilar e use uma loção calmante após a depilação!

Por Camila Mazi
Redação Dona Giraffa
Crédito da Imagem: (c) Can Stock Photo

Confira também

# Como fazer uma depilação com cera caseira
# Como deixar seus pés lisos e macios
# [Odores do corpo] – Como acabar com o odor nas axilas
# Aprenda a cuidar da higiene íntima e evite odores indesejáveis

Loading...
Seja o primeiro a comentar em Depilação na virilha: dicas e cuidados

Deixe seu comentário

Publicidade
Curta nossa fan page no Facebook
Publicidade
Publicidade

Só existe uma lei no amor; tornar feliz a quem se ama. Stendhal