Como iniciar um negócio próprio: dicas e o que evitar

Pode ser diante do desemprego ou então do desgaste no local onde se trabalha, o fato é que cada vez mais pessoas pensam seriamente em se tornarem patrão e donos do próprio negócio. Por mais maravilhoso que pareça, nem todo mundo tem faro pra coisa. É preciso muito mais do que uma boa ideia e algum dinheiro para investir.

casal calculando os gastos da empresa

Foto: (c) Can Stock Photo

Se você também está pensando em começar o próprio negócio, confira a seguir algumas dicas pra que você vença nesse mercado super competitivo!

É preciso ser um empreendedor nato?

Essa questão é bastante polêmica entre as pessoas do ramo, e cada empresário ou especialista parece ter uma opinião. Uns dizem que sim, é preciso um certo perfil empreendedor. Já outros dizem que essa é uma atividade que se aprende com o tempo. Independentemente de se precisar de talento ou não, o consenso é que é preciso ter o mínimo de habilidades específicas pra vencer nesse ramo.

O Empreendedorismo pode ser ensinado, sim! Entre as características empreendedoras podemos listar:

• Bom entendimento do mercado.
• Ser inovador.
• Ter noções administrativas.
• Não ter medo de sair da sua zona de conforto.
• Ter o público alvo bem definido.
• Ser aberto a opiniões e não ter medo de arriscar.
• Invista naquilo que você sabe fazer de melhor, procure motivações e corra atrás do seu sonho.

Por onde começar

– Todo bom negócio começa com uma boa ideia. Mesmo que você ainda não tenha encontrado uma área para investir, a dica é dar uma boa pesquisada e responder algumas questões. Comece, por exemplo, na área em que você costumava trabalhar ou na área em que você é formado.

– Caso você goste do que fazia, esse pode ser um bom ponto de partida. Caso queira se enveredar por outras áreas, o caminho até o sucesso pode ser mais longo, já que você precisará adquirir noções básicas sobre a área escolhida (seja ela alimentícia, estética, serviços, etc).

– Outra dica é ir atrás das áreas que mais crescem na sua cidade (como por exemplo ver quais os serviços mais procurados pelas pessoas). Lembrando que tirar uma ideia do papel requer muito planejamento. Caso contrário você se incluirá na massiva parcela de pessoas que começam um negócio próprio, mas que fecham em menos de 2 anos.

Franquias para você investir

• 15 redes de franquias para trabalhar em casa

• 6 opções de franquias que custam menos de 10 mil reais

• 10 franquias que custam até R$ 80 mil

• 10 franquias de beleza com investimento de até R$ 100 mil

E o dinheiro para investir?

Nem todo mundo dispõe do capital inicial para investir no negócio próprio. Porém, nem sempre a melhor alternativa é fazer um empréstimo bancário, por exemplo.

Depois que você elaborou seu plano de negócios, é hora de fazer as contas. Veja qual o valor mínimo que você irá precisar para dar um start no seu negócio. Se precisar pedir emprestado, tente primeiro a família e os amigos (caso eles emprestem com juros, com certeza será bem menor do que os valores cobrados pelos bancos).

Dicas gerais

• Faça um plano de negócios detalhado.

• Informe-se! Procure em livros teóricos e revista as mais diversas informações do ramo que você ira se inserir, não fique desmotivado apenas porque o seu negócio é pequeno.

• Não tenha medo de correr riscos, mas não corra riscos desnecessários. Estude bem sua estratégia de negócio. Se você concluir que suas ideias são firmes, não tenha medo de se arriscar.

• Estude muito, mesmo alguém com um espírito empreendedor inato deve entender de recursos financeiros, recursos humanos, marketing e produção.

• Faça um estudo de viabilidade financeira e mercadológica! Procure saber o retorno médio do seu negócio, abuse de ferramentas financeiras como o VPL (Valor Presente Liquido), TIR (taxa interna de retorno), Payback e o Fluxo de Caixa. Faça uma pesquisa de campo e aplique formulários. As pessoas da cidade que você vai abrir o seu negócio querem ele lá?

O que evitar

• Tenha certeza de que não há nenhum negócio parecido com o seu, tenha aquele algo diferente no seu negócio.

• Evite abrir seu negócio em locais isolados. Procure sempre um local bem movimentado.

• Evite entrar em ramos de negócios saturados.

Sites que podem te ajudar

A internet pode ser uma grande aliada na hora de realizar suas pesquisas. Sites como o do SEBRAE possuem reportagens, dicas e oferecem suporte para os que estão começando. Abaixo, alguns links que podem te inspirar:

-> [Sebrae] – Conheça mais sobre o seu ramo de negócio
-> [Exame] – 10 redes de franquias que faturam alto
-> [Pequenas empresas grandes negócios] – 9 segredos dos empreendedores milionários

Por Camila Mazi / Edição: Dona Giraffa

Confira também

# [Como se cadastrar] – Como ser uma revendedora O Boticário
# [Ganhe dinheiro em casa] – 6 dicas de negócios para trabalhar em casa

Loading...
3 Comentários em Como iniciar um negócio próprio: dicas e o que evitar
  • Lidia disse:

    Tenho de admitir, este site tem dicas muito boas. Adorei a dica para abrir negocio proprio 🙂

  • Douglas disse:

    Muito legal o site e os artigos, são muito bem elaborado, parabéns pela dedicação

  • José Fernandes Neto disse:

    Fiz um curso sobre energia solar, mas vejo que as possibilidades são poucas porque os produtos para acionar os trabalhos caríssimos, como proceder no meu empreendimento?

  • Deixe seu comentário

    Publicidade
    Curta nossa fan page no Facebook
    Publicidade
    Publicidade

    Amar não é olhar um para o outro, é olhar juntos na mesma direção. Antoine de Saint-Exupéry