Engordei muito na gravidez. E agora?

Quando uma mulher engravida, todas aquelas neuras de dietas vão embora. O peso vai aumentando, aumentando e você nem se preocupa muito com a situação, pois afinal você está grávida. O problema começa a surgir depois do parto: os 15 quilos ganhos (ou até mais) não vão embora como mágica e é preciso voltar a ficar em forma novamente.

mulher gravida medindo a barriga

Foto: (c) Can Stock Photo

Se você engordou muito na gravidez e agora está desesperada, encontramos um jeito super prático de perder peso com dicas simples, que levam em consideração que você tem um bebê para cuidar e não tem muito tempo para preparar refeições.

Dicas para a perda de peso

Não importa se você é mamãe de primeira ou segunda viagem, ter um recém-nascido em casa demanda muitos cuidados e tempo, e nós sabemos que para você é complicado reservar um período livre para preparar receitas saudáveis ou ficar presa a horário para shakes emagrecedores.

Além disso, em quanto tempo você adquiriu todo esse peso? Foram nove meses, certo? Então, não espere emagrecer em apenas um mês, o corpo precisa se recuperar aos poucos e para que ele não fique sobrecarregado, é importante que você vá devagar e tenha paciência consigo mesma. (Quantos quilos posso engordar na gravidez?)

Ao invés de fazer dieta, apenas coma produtos mais leves e diminua o consumo de baboseiras, como salgadinhos. Se privar de alimentos, como a maioria dos regimes sugere, não vai lhe ajudar em nada, na verdade você vai se sentir fraca e com muito mais fome, querendo sempre comer produtos gordurosos que darão a energia que você necessita.

Sempre quando a fome bater (o melhor seria que você não sentisse muita fome, pois isso significa que você passou um longo tempo sem ingerir alimentos), faça um lanchinho e coma uma maçã, biscoitos de aveias ou água e sal ou cenoura.

Veja outros meios de perder peso sem forçar o corpo:

• Beba muita água. Além de você ficar bem hidratada, a água ajuda a eliminar as toxinas do corpo que diminuem o metabolismo.

• Coma alimentos com muitos nutrientes como peixe (rico em Omega 3) carne, feijão e frango: eles saciam a fome e dão energia suficiente para o seu dia.

• Durma pelo menos umas 7 horas por dia. Eu sei, o bebê chora, você não consegue dormir e a noite parece dia. Mas procure descansar; há vários estudos que comprovam que as mamães que não dormem direito demoram muito mais tempo para perder peso.

• A dica para você encontrar um tempinho para si é tirar uma soneca quando o bebê também estiver dormindo.

E os exercícios?

Em qualquer outra situação o conselho seria: matricule-se na academia e comece a suar a camisa, mas como você acabou de ter um bebê, é preciso esperar pelo menos umas quatro a oito semanas para voltar a realizar exercícios.

mulher correndo para perder peso

Foto: (c) Can Stock Photo

Uma caminhada leve até pode ser feita, mas converse antes com o seu ginecologista, algumas mulheres precisam de um repouso maior e no momento, o melhor a ser feito é aguardar para depois voltar com força total à musculação. (6 exercícios físicos que mais queimam calorias)

Veja algumas situações que ajudam você a perder peso sem que você faça força:

• Amamentar: é possível perder 500 calorias dando mama ao seu pequeno, contudo você não pode restringir a sua alimentação, pois ela vai influenciar na produção de leite.

• Todo bebê precisa tomar um pouquinho do sol da manhã, então aproveite para fazer uma caminhada leve empurrando o carrinho por uns 20 minutos.

• Drenagem linfática: quem retêm líquidos facilmente pode procurar a drenagem que é bastante recomendada para o período pós-parto.

Cardápio

Quando a gente vê fotos das celebridades após uma gravidez, dá a impressão que perder peso é a coisa mais fácil do mundo e que qualquer uma consegue recuperar a forma perdida, no entanto, muitas deixam de falar que fizeram uma lipo ou que contaram com o apoio de vários profissionais para poder aparecer toda bonitona na capa da revista.

Como estamos falando da vida real, a perda de peso será devagar, mas consistente. Não será de um mês para o outro que a sua barriga diminuirá ou que o seu quadril voltará a ser o que era antes: em algumas mulheres o corpo não volta a forma anterior e fica mais cheios de curvas, no entanto isso não significa que você vai ficar gordinha e, sim, mais encorpada.

Como a dieta não é recomendada, o que você pode fazer para melhorar a sua alimentação é apenas substituir alguns alimentos. Abaixo está uma listinha de aliados para a perda de peso:

• Frutas: regulam o intestino.

• Verduras e legumes: alguns têm nutrientes que auxiliam o metabolismo a eliminar toxinas.

• Inclua produtos integrais (principalmente o pão) na sua alimentação: eles aceleram o metabolismo.

• Coma proteínas para ter energia para o dia.

• Beba chá verde, um aliado natural na perda de peso.

Se você também engordou muito e conseguiu perder peso, que tal aparecer aqui para contar a sua história?! Deixe a sua mensagem!

Por Samantha Alievi
Redação Dona Giraffa
Crédito das Imagens: (c) Can Stock Photo

Confira também

# Veja quais são as doenças mais comuns na gravidez
# Gravidez passo a passo: dicas e cuidados
# [Alimentação saudável] – Alimentos que devem ser evitados durante a gravidez
# [Primeira semana] – Quando começam a aparecer os primeiros sintomas de gravidez?

Loading...
3 Comentários em Engordei muito na gravidez. E agora?
  • lucimara disse:

    engordei 25 quilos na primeira gravidez mais depois de 8 meses voltei mais agora tive meu segundo filho e engordei novamente dessa vez 26 quilos meu bebe tem 4 meses e ainda faltam 10 quilos to com muito medo de não voltar nada me serve ainda e eu to ficando depressiva já!

  • Thais Lautert disse:

    Eu engordei 15 quilos na gravidez do meu filho mas esse não é o problema ,o problema é que eu já estava um pouquinho fora de forma quando engravidei e no total somou 30 quilos a mais tá difícil de perder e o pior eu também acho que não consigo voltar pros meus 55 quilos e estou preocupadíssima e esse excesso todo ta me deixando com a alto estima lá embaixo.

  • tatiane disse:

    Oi, hoje tenho 24 anos com 2 filhos lindos perfeito graças a deus, meu primeiro veio aos 21 anos e o segundo aos 23, do primeiro o peso era uma coisa que ja noa conseguia aceita mas entendia pq nao havia engordado tanto assim estava um pouco acima do peso mas ainda conseguia aceitar ’em partes’ aos 7 meses de pós parto tive um diagnostico de depressão pós parto me tratando mas a as coisas com o marido piorando. Até qCom a chegado do segundo filho a sensação de fracasso era ainda maior pois se já havia engordado e apresentado depressão pós parto imagine do segundo, com o passar do tempo o bebe nasceu com uma crianças de dois anos e um bb para cuidar me sentia extremamente cansada

  • Deixe seu comentário