Tudo o que você precisa saber sobre morar junto!

Morar junto é um passo gigantesco em um relacionamento. A decisão, que também envolve aspectos financeiros, deve ser bem pensada e o casal deve colocar na balança os prós e os contras de dividir o mesmo teto.

morar junto

Foto: (c) Can Stock Photo

Descubra se o seu relacionamento está no ponto ideal para vocês morarem juntos.

A hora certa

Infelizmente o que determina a hora certa é o dinheiro. Vocês podem estar super apaixonados, terem um diálogo aberto e ainda assim a grana é quem vai dizer se este passo pode ser dado.

Os custos de morar juntos vão depender muito de como vocês vivem agora. Quem divide a casa com os pais vai reparar um aumento absurdo de despesas, os que moram sozinhos poderão notar uma diminuição no gasto, pois tudo será dividido.

-> Saiba como juntar dinheiro para o seu casamento

E este é outro ponto importante, antes de juntar as escovas, decidam sobre quem vai pagar o que. È uma situação chata, mas não deixe isso para depois, este assunto merece ser discutido, pois no futuro poderá ser tema de brigas.

Prós e contras

Você já deve ter cansado de escutar: na vida há sempre um lado bom e um ruim e, assim como em todas as outras coisas, há os prós e os contras de morar juntos. Mesmo que vocês estejam apaixonados, com tudo acertado para finalmente estarem próximos todos os dias, é preciso pensar seriamente em como isso vai influenciar no seu relacionamento.

Alguns homens acabam ficando acomodados quando moram juntos e acham que já estão casados. O argumento deles é que vocês estão dividindo o mesmo teto e não há razão para oficializar a união, porque isso é convenção social.

Veja mais alguns contras que podem retardar a mudança:

• Vocês não se entendem: Espere mais um pouquinho se vocês sempre brigam por motivos fúteis.

• A responsabilidade sempre cai para um lado: Uma casa exige dedicação e se ambos não se comprometerem, alguém vai ficar sobrecarregado e vai se cansar de enfrentar todas as batalhas do lar.

• Vocês têm manias: As manias de um ou de outro podem desencadear brigas, por exemplo, ele vai dormir muito tarde e adora deixar a TV com o som alto. Esporadicamente isso não te incomoda, mas passar por isso todo dia é uma chatice.

• Seus costumes são diferentes: Assim como as manias, os costumes podem minar um relacionamento. Um exemplo: deixar a tampa da privada levantada, a calcinha no chuveiro…

• Não há muitos momentos sozinhos: vocês estarão quase sempre juntos, principalmente se morarem em uma casa ou apartamento pequeno.

casal morando junto

Foto: (c) Can Stock Photo

Ok chega de lado negativo, está na hora de falarmos do lado bom de morar junto:

• O diálogo entre vocês é bom e ao morar juntos vocês vão ter mais tempo para conversar e refletir sobre a vida a dois.
• Os gastos serão menores para aqueles que moravam sozinhos.
• A relação torna-se mais intensa.
• A cumplicidade aumenta.
• A freqüência sexual aumenta.

Para que a vida a dois não vire rotina, procure:

• Manter o seu ciclo social.
• Respeitar as manias do outro.
• Ousar na cama, sempre que possível.
• Respeitar a privacidade de cada um.
• Dar espaço: cada um precisa de um tempo sozinho
• Dividir tarefas: já que vocês moram juntos, aproveitem para dividir as funções da casa.

Tomar a decisão de morar juntos deve ser feita pelo casal, um não pode querer mais que o outro e mais uma coisa: o namoro de vocês vai bem? Se está mal das pernas, morar junto não vai solucionar a situação.

-> Está começando a montar sua casa? Compre somente o necessário!

Quando o casal está em sintonia, o convívio diário pode ser uma delícia, pois você passa a conhecer um lado do seu amado que não tinha muito contato e poderá saber, realmente, se ele é o homem da sua vida!

Por Samantha Alievi
Redação Dona Giraffa
Crédito das Imagens: (c) Can Stock Photo

Confira também

# Veja quais os documentos necessários para casar
# 10 sinais de que ele vai te pedir em casamento
# [Check list casamento] – Lista de preparativos para casamento
# [Amor eterno] – Confira 10 hábitos de início de namoro que devem ser mantidos

Loading...
Seja o primeiro a comentar em Tudo o que você precisa saber sobre morar junto!

Deixe seu comentário