Por que as pessoas mudam tanto depois do namoro sério ou casamento?

Muita gente parece ter essa impressão. Apesar da máxima de que as pessoas não mudam, não é difícil encontrar pessoas que reclamem do quanto seus parceiros mudaram após tanto tempo de namoro ou de casados.

Por que as pessoas mudam tanto depois do namoro

Foto: (c) Can Stock Photo

Bom, se não existe uma resposta definitiva, com certeza existem algumas que talvez justifiquem essas mudanças. Não precisa entrar em desespero ou terminar a relação. Saiba que esse tipo de coisa é passível de dribles, confere só:

“Ela(e) não é mais o mesmo!”

Tem certeza? Ou é você quem não via a verdadeira pessoa com a qual você se relacionava? Esse tipo de indagação é bastante comum entre aqueles casais que finalmente foram morar juntos ou que casaram.

-> Tudo o que você precisa saber sobre morar junto! Prós e contras:

Isso pode ser refletido quando ela(e) não se cuida mais, quando os carinhos ficam escassos, quando os beijos quentes se tornam meros selinhos, quando o dedicar atenção ao outro vira obrigação, quando ela(e) prefere ficar fora de casa do que passar a noite com você, quando vocês começam a brigar por ideais de como manter a casa, etc.

“Mas no começo era diferente!”

Claro que era diferente! E nem espere que sua relação volte ao que era. O começo era a paixão falando mais alto. Depois de um tempo, tudo se acalma e os sentimentos evoluem, assim como sua relação.

Tem o fator conquista que também contribui pra se chegar à conclusão de que “era diferente”: todo mundo sabe que quando conhecemos alguém, procuramos mostrar apenas nosso lado lindo e bem-resolvido. Ninguém quer espantar o outro e já deixar bem claro quais são os defeitos e os tiques.

-> Confira 10 hábitos de início de namoro que devem ser mantidos

Então sim, era diferente: No início da relação vocês não sabiam direito quem o outro era. Agora que vocês passaram a viver 24h juntos é que tudo começa a clarear. Lembra que no começo tudo o que você queria era impressionar um outro alguém? Então, agora que você já tem esse outro alguém, é como se você ligasse o botão “ah, não ligo mais pra nada”.

Não espere mudar ninguém.

Parece contraditório, mas as pessoas são quem elas são. Ou melhor, nós até conseguimos realizar determinadas mudanças, mas nossa essência continua a mesma.

E outro detalhe: não mudamos porque outra pessoa quer, mas porque nós mesmos queremos. Não forçar o outro a mudar é mostrar que você aceita o pacote completo. Claro que você não é obrigada(o) a aceitar determinados tipos de comportamento, como violência, desrespeito, entre outros. A questão é para aqueles tiques e manias irritantes.

São seus olhos…

Ou seja, ninguém mudou. O que aconteceu foi que com a convivência você passou a prestar mais atenção em como a pessoa é no dia-a-dia. E das duas uma: ou você aprende a conviver, já que todos temos defeitos, ou é melhor acabar.

1. Não espere que, ao juntar os trapinhos ou oficializar a união perante à igreja, você conseguirá exterminar tudo aquilo que te irrita no outro. Até porque, ninguém tem o direito de mudar ninguém. E essa é uma das provas de que você ama mesmo, porque quem ama aprende a lidar com o lado “ruim” da pessoa.

2. Se no namoro você já se irritada com certos hábitos, não vá achando que será capaz de excluir isso da pessoa. Por isso cada vez mais casais de namorados fazem a experiência de morarem juntos antes de se casarem. Ou então eles nem se casam. E isso ajuda naqueles casos que você quer ter certeza de que está com a pessoa certa.

3. A sensação de decepção e frustração é normal, mas tudo pode ser conversado. Mantenha o diálogo aberto pra quando você precisar abordar esse assunto. Se o problema é que ele adquiriu uma barriga de chopp ou você não cultiva seu lado sensual, é só se lembrarem de que manter o visual agradável aos olhos do outro é importar-se com o quesito sexual de uma relação. Foi só um exemplo, claro.

4. Se seu amor por ele(a) é o mesmo, então não jogue tudo pro alto só porque você acha que o outro mudou pra pior. Porque as pessoas não mudam, são nossos olhos que enxergam diferente.

Por Camila Mazi
Redação Dona Giraffa
Crédito da Imagem: (c) Can Stock Photo

Confira também

# Quando chega a hora de desistir de um homem
# Nosso namoro não anda bem. O que fazer?
# [Conquistando o namorado] – Confira 10 dicas para não perder seu namorado
# [Mantendo um namoro] – Confira 12 ingredientes que um bom relacionamento deve ter

Loading...
2 Comentários em Por que as pessoas mudam tanto depois do namoro sério ou casamento?
  • Daniel disse:

    É por isso que eu falo, tem que estar sempre inovando pra não perder o encanto!

  • Rayane disse:

    É importante que a conquista seja diaria, mas pena que as pessoas nao praticam isso, ja que é tao incrivel essa fase de procurar encantar o outro, q acontece antes de começar o relacionamento.. mas foi bom saber que isso acontece com todo mundo, e que quando há amor precisamos aprender a lidar com essas diferenças e mudanças na percepcao.

  • Deixe seu comentário