Queimaduras de Sol: como tratar, prevenção e dicas

O verão começou oficialmente no último dia 21. Acontece que o calor nos assola já há algum tempo. E com ele, sempre lá brilhando firme e forte, temos o Sol. É inegável que ele seja uma fonte de vida, mas ele também pode ser o responsável pelo acarretamento de doenças sérias como o câncer de pele.

Pegando sol

Foto: (c) Can Stock Photo

Juntamente com o verão vem também a vontade de ficar bronzeado. Nada de errado em querer ficar com uma marquinha de biquíni. O problema é que muitas pessoas não sabem tomar sol, e aí, ao invés da marquinha, ganham insolação e graves queimaduras solares.

-> Cuidados ao se bronzear nesse verão

Veja a seguir algumas dicas sobre prevenção e tratamento dessas queimaduras:

Sobre as queimaduras solares

As queimaduras solares podem ser desde uma pele avermelhada até uma pele com formação de bolhas semelhantes ás queimaduras com fogo ou água fervente.

Acontece que, quando nos deitamos numa esteira e ficamos sob o Sol como lagartixas, os melanócitos começam a produzir melanina (substância que dá a cor do bronze) em resposta à luz ultravioleta. A melanina tem como função proteger a nossa pele dos danos causados pelos raios UV (responsáveis pelas rugas, envelhecimento e câncer de pele).

-> Saiba como escolher um bom protetor solar

Pessoas branquinhas, ao contrário das peles mais negras e bronzeadas não tem um estoque de melanina suficiente para protegerem a pele. Por isso, todos aqueles que ficarem ao Sol por muito tempo e de uma só vez, terão queimaduras ao invés de bronze. E, dependendo da intensidade da exposição, você pode adquirir queimaduras de terceiro grau (aquela com bolhas) e ir parar no pronto-socorro.

Como preveni-las

Proteção no verão

Foto: (c) Can Stock Photo

O melhor jeito é sempre prevenir. Como? Confira abaixo:

– Evite a exposição solar entre 10h e 16h.

– Use protetor solar adequado a sua pele (quanto mais branca for, maior o FPS).

– Não aplique receitas caseiras de óleos de bronzeamento, pois em contato com o sol, elas podem irritar e queimar ainda mais a sua pele.

– Não dispense um chapéu e óculos de sol.

– Beba bastante água para evitar insolação ou desidratação.

– Lembre-se de aplicar protetor solar em lugares esquecíveis como orelhas, pescoço, mãos e pés.

– Proteja também seus lábios fazendo uso de protetores labiais com manteiga de cacau.

Ixi, agora já foi…

Se você não tomou os cuidados necessários e acabou com a pele toda vermelha, o importante é hidrata-la bastante:

– Tome um banho com soro fisiológico nos locais onde sua pele está vermelha e ardente.

– Aplique clara de ovo e deixe por uma hora; em seguida, retire com água fria.

– Não passe cremes hidratantes que contenham álcool.

– Não fique no Sol de jeito nenhum, e mesmo se ficar embaixo de algum guarda-sol, fique de blusa, shorts e passe protetor solar.

– Proteja também

Dicas gerais: Quando o Sol não é pra você

Pessoas muito branquinhas dificilmente ficarão da cor do pecado. Como a quantidade de melanina na pele dessas pessoas é muito baixa, quando elas se expõem ao Sol a probabilidade de ocorrerem queimaduras ao invés de um bronzeamento é bem grande.

Então ao invés de se lambuzar com óleo bronzeador, aceite que sua pele não foi feita para o bronze e fique embaixo de um guarda-sol. Mas não sofra por isso!

cuidados ao se bronzear

Foto: (c) Can Stock Photo

Quando a gente se aceita do jeito que é a vida se descomplica. Além do mais, peles branquinhas e bem cuidadas são muito mais charmosas do que peles enrugadas e bronzeadas por causa do excesso de Sol.

Caso você queira, pode ir aos poucos acostumando sua pele ao bronze. Fique no Sol durante 15 a 30 minutos todos os dias (nos horários mais amenos). Assim, sua pele irá gradualmente mudar de cor e ficar mais morena. Lembrando que protetor solar é item obrigatório.

– Não queira ficar bronzeado de uma só vez! Além de estragar suas férias, você irá se frustrar. O ideal, mesmo pra quem se bronzeia com facilidade, é ir tomando sol aos poucos e por pouco tempo.

– Não abra mão do protetor solar.

– Evite tomar sol nos horários em que a incidência dos raios UV são maiores (entre 10h e 16h).

Por Camila Mazi
Redação Dona Giraffa
Crédito das Imagens: (c) Can Stock Photo

Confira também

# Cuidados que devem ser tomados com a tatuagem no verão
# Cuidados especiais com o corpo e a pele no verão
# [Verão 2013] – Saiba quais são as doenças mais comuns no verão
# [Prevenção de doenças] – Dicas para evitar o aparecimento de manchas no verão

Loading...
Seja o primeiro a comentar em Queimaduras de Sol: como tratar, prevenção e dicas

Deixe seu comentário

Publicidade
Curta nossa fan page no Facebook
Publicidade
Publicidade

A glória deve ser conquistada; a honra, por sua vez, basta que não seja perdida. Arthur Schopenhauer