Mitos e verdades sobre a depressão e o aumento de peso

Ao encontrar-se em estado de depressão, algumas características surgem junto com a doença, como uma tristeza fora do comum, apatia e desânimo. Algumas pessoas vão mais além e classificam o aumento de peso como uma consequência da doença, enquanto outros não acreditam nessa relação.

depressão

Mitos e verdades sobre a depressão

Para resolver essa questão, veja quais são as verdades e os mitos do aumento de peso decorrente da depressão:

A doença

A depressão é uma doença caracterizada por alterar o estado de humor de uma pessoa, tornando-se predominante, de forma anormal, a tristeza. Qualquer pessoa, em qualquer faixa etária, pode ser atingida por este mal, mas há um número maior de casos com mulheres.

Embora nem sempre seja possível diagnosticar o motivo, algumas das causas da depressão estão relacionadas ao estresse, ao estilo de vida da pessoa e a acontecimentos vitais, como crises no casamento e separação, morte de algum familiar, crise da meia-idade e climatério, entre outros.

A depressão e aumento de peso

Pode parecer que as duas questões são acontecimentos distintos na vida de uma pessoa, mas a depressão e o ganho de peso podem estar intimamente ligadas. Em alguns casos a explicação é simples: devido ao estado depressivo, as pessoas descontam na comida seus medos, angústias e aflições, e acabam engordando.

Aumento de peso

Depressão e o aumento de peso

Ao se encontrar nesta situação, a justificativa de um consumo exagerado de comida é afastar pensamentos ruins, adiar as aflições, substituir – de alguma forma – a carência, ou qualquer outro motivo de ordem sentimental. Nestes casos, engordar é algo eminente.

-> Conheça 8 problemas de saúde que fazem você engordar

Além disso, tanto em homens quanto em mulheres a depressão pode levar a distúrbios emocionais que desestabilizam os hormônios e causam o aumento do peso. Este acontecimento é diagnosticado e justificado como desequilíbrio emocional.

Obesidade causadora da depressão

Seguindo o caminho inverso, é possível também que uma pessoa torne-se depressiva devido ao seu peso. A obesidade é, inclusive, um dos fatores mais considerados quanto se trata de depressão e falta de autoestima.

Nesta situação, a obesidade não só afetará a pessoa de forma física como também psicológica, alterando o metabolismo humano que levará a pessoa a crises desesperadoras.

Aumento de peso causado por antidepressivos

Em busca da cura para a depressão, não é raro que os médicos receitem alguns remédios antidepressivos para ajudar a pessoa a se recuperar.

Antidepressivos podem aumentar o apetite do paciente

Antidepressivos podem aumentar o apetite do paciente

No entanto, alguns destes antidepressivos podem aumentar o apetite do paciente ou levá-lo ao desânimo, acarretando um aumento de peso, já que a pessoa passará a comer  muito mais do que a quantia à qual estava habituada, na maioria das vezes sem praticar nenhum exercícios físico.

Perda de peso

Embora existam muitos casos de depressão que leva ao aumento de peso, o contrário também pode ocorrer. Ao encontrar-se em estado de depressão, a pessoa torna-se apática, perde o apetite e, consequentemente,vai perder muitos quilos.

-> O que é Anorexia? Causas, sintomas e tratamentos

Assim como a obesidade, emagrecimento em excesso pode acarretar diversas doenças, por isso, engordando ou emagrecendo, é necessário relatar todos os sintomas da depressão ao médico, para que você possa ser curada da forma correta e mais saudável para seu organismo.

Por Franciele Bueno
Redação Dona Giraffa
Crédito das Imagens: (c) Can Stock Photo

Confira também

# Candidíase | O que é a doença e como tratá-la
# O que é enxaqueca? Sintomas e tratamentos
# [Prevenção de doenças] – Cistite | Causas, sintomas e tratamentos
# [Saúde da mulher] – Infecção urinária na gravidez: sintomas, tratamento e prevenção

Loading...
Seja o primeiro a comentar em Mitos e verdades sobre a depressão e o aumento de peso

Deixe seu comentário