10 passos para controlar o ciúme que você sente

Quase todos nós sentimos ciúme. Homens e mulheres podem ser igualmente bastante ciumentos. E esse tipo de atitude pode levar seu relacionamento para as cucuias. Veja a seguir 10 passos que podem te ajudar a controla-lo:

1- Há motivos reais?

A gente sabe que qualquer tipo de sentimento não dá pra ser exatamente explicado pela razão, simplesmente se sente. Pra evitar que o ciúme apareça, procure então pensar com o cérebro, não com o coração.

Foto: (c) Can Stock Photo

Existem motivos reais pra você sentir ciúmes? O fato do seu(sua) parceiro(a) ter amigos ou conversar com pessoas do sexo oposto não significa nada, assim como as saídas semanais que ele(a) possa vir a ter com tais amigos.

2- Entenda que ele não tempera a relação

Muita gente acha que sentir ciúme é prova de amor. Errado. Sentir ciúme é normal, e é quase impossível não senti-lo. Somos seres quase que programados pelo nosso ego, e o ciúme nada mais é do que nosso egoísmo falando mais alto.

-> Saiba quais são os tipos de ciúmes | Descubra o seu!

Dar chiliques ou brigar por causa disso não tempera a relação, só faz com que ela fique mais próxima do fim.

3- A traição e o ciúme

Separar o ciúme do medo de ser traída(o) é muito difícil, porque no fundo esse é o medo de quase todos os casais: o medo de ser trocado por outra pessoa. Isso faz com que nosso ego se sinta não só ferido, mas rejeitado.

Entenda que, sentindo ou não ciúme, você está sujeito a ouvir um “não te amo mais, me apaixonei por outra pessoa”. Então vai sentir ciúme pra quê?

4- Não pergunte o que você não quer ouvir como resposta

Tem pessoas que gostam de provocar brigas pra dar um up na relação. As pessoas ciumentas, por exemplo, ficam cobrando satisfações a todo o momento como se fossem os pais do parceiro(a). Você pode ficar perguntando onde ele(a) foi e com quem, mas não com um tom de cobrança, mas de amizade.

5- Você não é dono (e nem pertence) de ninguém!   

A maioria dos relacionamentos acabam porque muitas pessoas não conseguem entender que não são donas do parceiro, e que amor é, acima de tudo, permitir o outro ser livre (dentro dos limites de cada relação).

-> Confira 12 ingredientes que um bom relacionamento deve ter

Quando você entende que não é dono de quem se ama, não existe mais razão para sentir ciúme de algo que nunca foi e nunca será seu. A pessoa ao seu lado está com você por opção, não por obrigação.

6- Ame no hoje

Esqueça por um tempo o “felizes para sempre”. Quando a gente para de depositar nossa chance de ser feliz na relação no futuro (seja com a ideia de casar ou morar junto), ficamos mais estimulados a cuidar da relação no hoje.

Foto: (c) Can Stock Photo

Acorde e diga pra o outro que você o ama hoje, e que fará de tudo para que isso se mantenha nos dias que vierem.

7- Converse sobre isso

Nada melhor do que expor nossos medos e inseguranças ao parceiro. Isso implica numa maior cumplicidade e companheirismo entre vocês.

-> Saiba se seu ciúme está ou não dentro do limite

Diga a ele(a) que você tem medo de perde-lo, diga que sente ciúmes em tais situações e peça que ele(a) a ajude a controlar e a passar por cima disso.

8- Mantenha sua autoestima nas alturas

Além de estar associado ao medo de perder o outro, o ciúme também tem a ver com uma baixa autoestima. Quando sentimos que não estamos à altura das outras pessoas (seja fisicamente ou mentalmente), passamos a ficar mais inseguros ainda, e aí vem o medo de que o outro não nos queira mais.

-> 10 motivos que acabam com um relacionamento

Então procure aceitar-se ou, se estiver insatisfeito, faça algo para mudar o que te incomoda.

9- Não provoque ciúme

Se seu parceiro(a) não parece demonstrar nenhuma manifestação de ciúme, comemore. Não encare essa “passividade” como um “ele(a) não me ama de verdade”.

Muita gente faz questão de provocar o ciúme alheio só pra se sentir amada(o) e tudo mais. Não provoque aquilo que só prejudica sua relação.

10- Busque ajuda

Se você perceber que seu ciúme é além da conta, não tenha medo de pedir ajuda profissional. Terapias ou até mesmo alguns remédios fitoterápicos podem ajudar você a entender melhor o porquê desse sentimento, fazendo com que ele diminua ao longo do tempo.

Por Camila Mazi
Redação Dona Giraffa
Crédito das Imagens: (c) Can Stock Photo

Confira também

# Perdi a confiança e brigamos muito. Tem como resolver?
# Como evitar a possessividade no relacionamento
# [Excesso de ciúmes] – Confira oito passos para controlar o excesso de ciúme
# [Excesso de ciúmes] – Pessoas possessivas, amor verdadeiro ou amor doentio?

Loading...
10 Comentários em 10 passos para controlar o ciúme que você sente
  • Ótimas dicas! Acredito que também é importante ressaltar a necessidade de aprender a controlar a raiva durante as crises de ciúme. Pois as coisas que falamos em um momento de raiva podem deixar o outro magoado para sempre.

  • Leandro Bispo Pires disse:

    eu gostei muito de comentário sobre ciúmes mais preciso de ajuda por qualquer coisa eu desconfio dela até no fec, no watzap também o que que eu faco

  • carine santos disse:

    eu presciso saber como evita meu ciumes quando meu namorado sai mesmo com amigos e quando ele esta no face…eu olho a agenda do celula os emails.como controla essa obseçao d controla tudo e de saber tudo da vida vida do meu namorado.e d ciuma de amigos e amigas dele sabendo q ele nao mim evita nada…e quando eu saio com ele eu nao m,im cinto bonita ou seja sem alto estima

    • kevelin disse:

      voce precisa de ajuda de um psicologo.. ciumes é normal mais o seu é bem avançado..
      mais tente pensar de uma maneira.. eu sou linda e se eu nao fosse linda ele nao teria o porque estar comigo ainda, e outra quando ele for sair sair com suas amigas tambem..isso te fará bem!
      espero ter ajudado 😉

  • Roniely Lima disse:

    Adorei as dicas, hoje me vejo em muitas dessas situações, pois meu relacionemento está por um fio tudo por causa do meu ciúmes. Já tentei por várias vezes me controlear mais é complicado é algo que me pertuba e me deixa em crise todo tempo, vejo que meu parceiro está se sufocando e não vai demorar muito pra ele me dizer um a Deus, por favor me ajudem não quero perder o amor da minha vida, quero fazer diferente, escrever uma nova história, estou sofrendo muito e preciso de ajuda.

  • Leandro disse:

    Muito bom suas dicas , tenho certeza que não só as mulheres como também os homens tem passadopor essas dificuldade.
    O grande vilão, brigas, traições, desconfianças, o medo de perder a pessoa amada, lhe apresento o Ciúmes, esse mal que vem atingindo muitos relacionamentos hoje em dia, muitas vezes de forma trágica. Podemos também, enxergar o ciúme como condição normal de toda relação, desde que seja contextualizado. Neste sentido, algumas vezes se manifesta de maneira coerente e aceitável, mas em outras, de maneira ilógica e doentia.

    Grande abraço
    http://casamentoprotegido.com/ciumes-como-controlar/

  • Nynna disse:

    Nossa parece até que está falando toda a minha vida com meu namorado. eu estou sofrendo muito não consigo controlar minhas emoções. faz algum tempo que estou pensando em procurar uma ajuda medica por que eu vejo face whatsapp agenda registro de contato sms , alias quero vê tudo…..

  • Mayara disse:

    Adorei as dicas. Sao muito válidas!! eu tenho um namorado, maravilhoso! estamos juntos á 10 meses. Eu nao tenho o porque desconfiar dele. Mas como ainda estou no processo de regime..nao contente com algumas coisas em mim, bate aquele desespero as vezes ne? Eu sou ciumenta, nao me orgulho disso, mas com ele estou aprendendo a controlar, e ele me passa certa segurança, pois como diz ali em cima, ele esta comigo por opçao, nao por obrigaçao, e eu tenho que fazer jus a essa escolhe dele ne? Mas ele é aquele homem charmoso, que só de ver o sorriso voce se derrete… e ele faz curso e vai começar a trabalhar em restaurantes.. mas nao vou deixar o relacionamento que está caminhando para um futuro casamento se desgastar por coisas poucas do dia a dia. Estarei sem lembrando dessas dicas! Obrigada!!

  • Os ciúmes podem destruir qualquer relação, por mais forte que esta seja. É complicado perceber quando se trata apenas de ciúmes bobos, ou quando é sinal que o seu amor se tornou uma obsessão. Por vezes, e quando falamos em ciúmes, nem sempre o problema é da outra pessoa, porque em certos casos a outra parte do casal nem faz nada para provocar ciúmes. O que eu quero dizer é que em grande parte dos casos, somos nós a ter culpa por sentir ciúmes, já que a outra parte não nos dá nenhuma razão.

    É importante sentir ciúmes numa certa medida, é sinal de amor e de preocupação, o problema surge quando se passa esse mesmo ponto, considerado de aceitável e quando se entra numa relação de obsessão. Para conseguir manter uma relação saudável, nós trazemos algumas dicas que o(a) ajudarão a lidar com o ciúme numa relação

  • jb disse:

    Gostei, mas queria saber se tem como resolver o problema de ter ciumes dos ex namorados e das antigas eperiencias sexuais.

  • Deixe seu comentário

    Publicidade
    Curta nossa fan page no Facebook
    Publicidade
    Publicidade

    A glória deve ser conquistada; a honra, por sua vez, basta que não seja perdida. Arthur Schopenhauer