Responsive image

Como agir quando ele tem um filho

Casal

Se relacionar com um homem que tem filhos traz mais desafios do que o normal e nem todas as mulheres são capazes de suportar a situação.

Um filho exige cuidados e atenção dos pais, mesmo quando eles não moram juntos. Um bom pai é aquele sempre presente, que se importa com a criança e ter alguém assim ao seu lado deveria deixá-la orgulhosa e feliz. Mas não somos perfeitos, o que faz com que, às vezes, passemos a assumir uma postura que não condiz com aquela indicada.

É por isso que algumas mulheres não conseguem conviver com a ideia de que seu parceiro tem um filho e precisa dedicar parte do seu tempo a ele. A partir disso, algumas mulheres protagonizam cenas de ciúme, atos de possessividade e podem inclusive começar a querer competir com a criança para ver qual dos dois terá mais atenção.

Todas essas atitudes levam as mulheres a destruir o relacionamento e perder o cara com quem estão. Entre seu filho e você, o coerente é que ele escolha o filho e a abandone.

Por mais difícil que seja controlar o ciúme, você deve fazer um esforço e compreender que um filho merece tanto ou mais que você e, no lugar do seu parceiro, você provavelmente optaria por seu filho.

Dessa forma, o indicado é você começar a interagir com a criança, tratá-la bem e gostar dela sinceramente. Com o tempo, você poderá se juntar aos passeios dos dois, levar a criança para uma viagem e a lugares que ela se divirta. Se você tem intenções sérias com seu namorado, o melhor é conquistar o filho dele e tratá-lo como trataria seus próprios filhos, para o bem do relacionamento não só do casal, mas da família que vocês podem vir a constituir e o filho dele.

Isso fará com que você se sinta mais leve, aprenda a amar a criança – e, consequentemente, o ciúme desapareça – e os três poderão conviver em harmonia, sem precisar disputar o tempo livre ou passar por problemas que poderiam facilmente ser evitados quando há maturidade por parte de você e seu parceiro.

Por Franciele Bueno
Redação Dona Giraffa

Confira também

# Que tipo de namorado é o seu?
# Dicas de como conquistar a sogra
# Qual o momento certo para se ter um filho?
# Mulheres que ganham mais que os homens
# Você gosta dele, mais ele não quer nada sério
# Programas baratos para você cutir com seu amor

31 Comentários em Como agir quando ele tem um filho
  • sonia disse:
    Certo! e quando a mulher tem um filho de 20 anos, e o seu namorado tem ciume do filho dela, não se entendendo chegando ate a não se falarem, o que fazer. E ele (o parceiro) tem um filho de 12 anos que mora com a mãe.
  • Bianca disse:
    meu namorado tem um filho de 2 anos e eu já sabia disso muito antes de começarmos a sair. eu adoro o filho dele e nos damos muito bem, o único problema que tenho é com a ex dele pois não consigo ficar sossegada sabendo que ela vai fazer parte da nossa vida pra sempre =/
    sempre sonhei com uma vidinha a dois antes do casamento e não consigo imaginar ela fazendo parte dessa vida…
    tento me controlar mas é dificil e a melhor parte é que ele me entende, então estamos trabalhando nisso juntos!
  • Gleicyane disse:
    Meu namorado tem uma filha de 7 meses, e estamos juntos a um ano e 3 meses. Tudo aconteceu muito inesperado ,pois ele tem um ex e tres meses depois qe tinha terminado com ela e começado a namorar comigo ela falou qe estava grávida. No entanto ninguém acreditou mas realmente ela estava grávida então. Ele esperou a criança nasce para fazer o exame de DNA, e nos tinhamos a espeeança de não ser dele,pois p ele ela vez algo p engravida porqe ja tinha um tempo qe eles n se dava mt beem.Mas o resultado deu possitivo. Na hora confesso qe me abalei mtt e pensei em terminar com ele, mas respirei fundo e pensei em mim e nele em nós e vi qe valeria apena lutar e encara toda essa situçao. Hoje com 7 meses depois do exame essa ex dela nos pertuba mt ela usa mt a criança para dormir e fica vários dias na casa da mãe dele onde ele mora e isso estar acabando comigo, ela ja fez de tudo p nos separa , tevi um caso com meu irmão para tentar usa-lo p me pertubar e coloca-lo contra mim, enfentou mts coisas, enfim declarou guerra contra nós pois não aceita o fim do relacionamento com ele e disse para eleqe vai fazer um inferno na vida dele. Mas somos envagelicos e cremos num milagre, cremos qe Deus pode mudar toda essa situaçao. Nós dois conversamos mtt um com o outro se damos mtt bem, tentamos sempre compreender o outro entender e chegar a conclusão e decisão certa. Não facíl e ele pensou em sair de casa p evitar mais constragimentos, mas achamos melhor não pois ficaria pesado para ele e então decimos nos juntarmos e começarmos a palneja nosso casamento e em fim sair dessa convivencia com ela, pois a filha não o problema saberemos lidar com isso, pois passamos por tudo desde o começo juntos e assim tentaremos viver e cremos qe Deus dará a nossa vitória e qe essa menina possa colocar a cabeça no lugar e tbm ser feliz.
  • Carla disse:
    Meu namorado tem uma filha de 4 anos, começamos a namorar a pouco tempo.
    No começo era mais fácil, mas agora estou começando a sentir ciumes dela, gosto de bebês, mas na idade dela, não. Detesto menino correndo pra lá e pra cá e fazendo perguntas incovenientes. Sem contar que, perdemos um pouco da privacidade tbm.
    Ele a acostumou a dormir com ele qdo ela está na casa dele. DETESTO ISSOOO!!!
    Achei um absurdo qdo vi ele saindo do banheiro junto com ela. Vi que os dois estavam tomando banho juntos. Me subiu uma raiva incontrolável e o critiquei por isso. Fico imaginando: se nós nos casarmos, ela vai querer vim dormir conosco também, e não vou aceitar isso!
    Ele falou de levá-la no carnaval junto conosco pra uma viagem, detestei a ideia. Ela vai querer dormir com ele enquanto vou ficar sobrando na história, ou então vai ficar embaçando em nossos momentos mais íntimos…
    Gosto muito dele, mas detesto a idéia de ter filhos. Principalmente de ter de cuidar de um filho que não é meu!
    • Elisa disse:
      Menina, termine agora com esse cara, pois a filha dele nao merece uma bruxa como voce (egoista, maldosa e q nao faz idéia do quanto uma filha precisa de um pai…)
      • pty disse:
        relow ela so esta expressando o que ela sente CIUMES, ela não é nehuma bruxa se esta falando é pq ela msma se emcomoda com a situacao e sta procurando ajuda #psiu
    • Ana disse:
      Você não tem maturidade para entender isso, termine flor, vai ser melhor para você, para ele e principalmente para a criança que não vai ter uma ”adulta” querendo competir com ela por seu pai. Deus lhe ajude a não ter um filho, se separar, e arrumar um cara que seja como vc e não entenda nada e ainda queira competir com seu filho, seu marido já tem um filho, não precisa de outra, precisa de uma mulher adulta.
  • Camila disse:
    eu namoro ha 3 anos e odeio que alguem me lembre de que meu namorado tem uma filha, eu odeio a menina e a menina nuca falol comigo e eu nunca quero contato com nem com a ex dele. vo fala a pura verdade eu não quero isso pra minha vida , isso é horrivél, toda vez que a menina procura ele eu choro , brigo, descuto com ele, eu amo tanto ele mas eu não aquento mais eu odeio ela , pois é sangue dele, não sei se alguen vai me entender ou me criticar sinto que si eu pudesse faze uma loucura eu faria
    • viviane disse:
      Estou passando por um momento muito dificil na minha vida.pois estou namorando e amo meu namorado so que descobri que ele tem uma filha e eu nao consigo aceitar isso e nao sei qual decissao tomar….preciso de ajudas….?
    • Michele disse:
      Entendo o que você está sentindo, passando… Comecei um namoro e DESCOBRI isso depois de alguns meses, pois a filha dele mora em outra cidade e ele omitiu isso a mim.
      Quando ele confirmou o que descobri quase acertei a cara dele de raiva.
      Não tenho filhos, não pretendo ter e muito menos aceitar, criar o filho de uma vadia qualquer. E hoje o considero um vadio também e tenho raiva dele.
      Não aceito ainda mais que ele me subestimou não me contando o fato.
      Acabou tudo entre a gente e hoje tenho raiva dele, pois gostava de verdade e apostei muito em nós dois.
      Caia fora desse cara.
  • Damaris disse:
    Olá..tenho 26 anos e meu noivo tem 24…
    bom ele tem uma filha que eu gosto muito, antes ele era mais atencioso comigo, mas agora depois de 4 anos ele esta estranho, ele só pensa nela, nao pensa mais na gente…
    E pra piorar agente só esta brigando por que eu quero a presença dele mas ele nao me da a atenção…
    O que eu faço???
  • Dani disse:
    Desculpe, mas parece muito facil falando de fora…………estar “na pele” é que complica!!!!
    Dificil suportar ou pior ainda “gostar” de um pedaço de outra mulher.
    O que deve se fazer é tolerar, “empurrar” com a barriga para não perder seu parceiro.
    É facil criticar a atitude da madastra, mas e o pai da criança??? Não tem que ser compreensivo com o nosso sentimento de ciumes????
    • pty disse:
      vdd. alem de ser pai ele tbm é marido… Bom vivo uma situacao que é o seguinte
      meu marido tem 2 filhos eu tenho1, no comeco era a mil maravilhas as crianças iam de vez em quando em casa pq a bruxa nao deixava sempre e tbm ele trabalhava de domingo a domingo. mas ai a bruxa comeco a manda as criancas todo domingo la pra casa, mas o menino é mais apegado com ele e assim vejo a diferenca, o filho dele pode tudo e eo meu nda, e quando o menino ta la ele simplesmente passa o dia todo jogando video game e fazendo todas as vontades da crianca, e eu fico de lado , bom eu so axo q ele tinha que ter um tempo kmigu tbm um domingop ele fica com o filho e o outro kmigu que sou mulher dele e preciso de atenção… Agora o menino ta indo dia de sabado e le tem que fazer o menino de 11 anos durmir e com a luz acessa, mas se o meu fazer isso é que o meu é dengozo e mt outras coisas
  • simony disse:
    vivo uma situação parecida, meu marido é divorciado e tem uma filha desse casamento bom eu adoro a menina que tem 12 anos me dou muito bem com ela … sou casada a 8 anos e tenho uma filha de 7 anos e tô gravida de outra menina ,bem só que quando ele se divorciou da 1° mulher ele por carencia acabou ficando com uma mulher e resultou num filho que hoje tem 8 anos e essa mulher me pertubou muitooo e mandava o menino me xingar ela usa ele pra nos atingir acabei não suportando o garoto tbm ele paga pensão direito e até procura ver o garoto mas não sei se se chega a amar ele sei lá …mas o fato é que toda vez que sei que vou ve-lo sofro muito não trato ele mal nem digo pro meu marido não ve-lo mas me sinto muito mal e infeliz…
  • Larissa disse:
    Preciso de Ajuda…
    Eu tenho 20 anos e namoro um cara de 40. quando conheci ele havia quase 1 ano que tinha chegado ao Brasil, ele morou mais de 20 anos no Japão. ele me falou que tina os filhos mais que nao eram problema porque moravam no Japão e 2 aqui no Brasil. Os meninos visitavam ele 1 vez por ano. o que nao me atrapalhavam muito. Quando eu comecei namorar ele eu tinha apenas 16 anos e ele 36. (sempre gostei de homens mais velhos). estamos juntos a 4 anos. Em agosto do ano passado a mãe do filho dele mais novo de 4 anos e 5 meses, resolveu vim para o Brasil pra visitar meu namorado e ficou na casa dos pais dele onde é la que ele mora.
    Depois desse tempo minha vida virou um inferno. Teve o casamento da irmã dele no interior de SP e eles tiveram que viajar juntos. Eu não pude ir pois estava trabalhando. depois ela japonesa foi embora pensei que quando ela fosse embora minha vida voltaria ao normal, engano meu. Depois disso veio os filhos aqui do Brasil pedindo pensão alimenticia, ameaçando colocar ele nao justiça. Ele nao é assalariado ele trabalha como corretor de imoveis e nem sempre ganha dinheiro o que ganha mal da de pagar a dispesa. Esses dias estavamos falando de morar junto, e a maedele ja disse que o dia que ele casar os filhos terao que vir morar junto com ele. Gente eu amo ele demais e nao aceito o fato de ter que aceitar os filhos deles, meu maior sonho é de ter um filho com ele. Mais tenho medo um filho pra mim que sou nova e ter que aceitar filhos dele dentro da minha casa. nao sei mais o que faço. ajudo meu namorado de tudo. e nao aceito o fato deleter filhos. estou acabano o namoro de 4 anos por causa deles
  • Paixao disse:
    Estou com meu nomorado 1 ano e meio não sei mas o que eu faço não consigo ser sincera com a filha dele ela tem 9 anos..Sei que é ciumes ..pois toda vez que estamos juntos ela fica abraçando,beijando uma coisa que ela nao faz qndo nao estou perto..o que faço?
  • Aryelle disse:
    Olha estou com mue namorado a 1 ano e 3 meses no começo ele gostava muito de mim mais eu não gostava tanto dele, mais aprendi a ama-lo demias acho que mais do que ele me ama. quando nos conhecemos o pirralho do filho dele tinha 7messes e eu não me importava com o filho dele mais depois que eu descobri que a puta da ex dele vivia na casa dele, durmia na casa dele comia almoçava jantava na casa dele eu começei a ficar com ciúmes e reclamei pra ele pq eu achava um absurdo e uma falta de respeito com a minha pessoa ele ta dormindo na mesma casa que ela. E eu começei a pegar nojo , raiva , óódio do menino ele só veio ao mundo pra acabar com a minha vida, eu amo meu namorado mais ele ja falou que se eu não aceitar o filho dele ele não vai ficar comigo, pior ele nem sabe se é mesmo filho dele, ele é todo idiota tb, tem medo de fazer exame de DNA pq acha que o menino possa ser filho do pai dele, foi todo chifrudo ela traiu varias vezes ele e toda briga nossa ele defende ela e esse filho da putinha infeliz dos inferno, sério mais eu queria que ela e ele morressem, mais ele do que ela pq assim ele ia parar de amar o filho dela , sim filho della enquanto ele não me provar que é filho dele eu falo que é filho dela.. eu tenho ciúmes eu queria ele só pra mim é pedir muito, gente vcs não fazem ideia de como eu sofro :( … Me ajudem
  • kuko disse:
    meninas,na boa. LIMITE. Se ele nao colocar limite na mae da criança vcs n vao da certo nunca e vao viver num verdadeiro inferno, ele tem que por ela no lugar dela.
  • Carol disse:
    Estou passando por uma situação parecidissima, começei a namorar há 6 meses e já estou noiva, hoje moro na casa dele junto com a mãe, o pai e o filho dele de 4 anos de idade .. No começo era bem mais facil, eu não tinha nenhum tipo de ciumes nem do menino e nem da ex .. Mas de uns tempos pra cá tudo mudou, sinto ciumes do garoto sim, até gosto do menino, nos damos bem, o problema é qe ele está sendo mto mimado pelos avós e ta cada dia mais terrivel .. sinto ciumes da ex dele pq no começo do nosso namoro ele falava mto nela, mas eu sentia e todos diziam qe era só pra me causar ciumes, pois é, ele conseguiu, morro de ciumes dela, além do mais ela morou na casa dele onde eu estou morando agora e já achei muitas fotos, roupas, coisas dela qe hoje estão tudo no lixo pq eu exigi, inclusive achei um album de fotos do batizado do menino com fotos de quando ela estava gravida, era um book com o meu noivo beijando a barriga dela, abraçando ela, em momentos felizes, isso pq um tempo antes o meu noivo comentou desse album comigo mas disse qe já tinha ido pro lixo, disse tmb qe se existisse lembranças é pq existe sentimentos e tals, mas acho qe elle flo pra reforçar a ipotese dele ter jogado msm fora .. E isso tudo foi me quebrando um pouco com elle, elle fla de casar comigo e me cobra termos um filho agora, mas eu não quero de jeito nenhum, tenho apenas 18 anos e ele 24 .. Mas eu me pego pensando sempre, queria alguém qe me colocasse em primeiro lugar, cmo prioridade na vida, alguém qe fosse só meu e qe tivesse o primeiro filho cmg, é mto dificil suportar essa situação sabendo qe de qualquer maneira eu vou estar errada, e qe é ” normal ” a ex ta batendo na porta da casa dele, ligando pra elle, tendo o numero dele e ele o dela, e quando eles conversam vc ta totalmente por fora do assunto pq estão falando do filho deles, tendo qe aguentar o filho falar da mãe, é constrangedor, mas ninguém se coloca no lugar da madrasta, e os sonhos dela ? e os planos dela ? não podem ser realizados com o homem qe elas amam, doi demais ! O meu noivo diz qe quando nos casarmos e mudarmos de casa ele não vai levar o filho dele com a gente, acho qe ai sim as coisas vão melhorar e o ciumes vai se desfazendo, o bom é qe tudo do filho dele, quem resolve é a mãe do meu noivo com a ex dele, pelomenos até onde eu vejo eles nem se falam .. Mas por enquanto to repensando todo o meu futuro, cmo vai ser ao lado dele e tentando ver se eu vou suportar !
  • Lanee disse:
    No meu caso é meio chato, ele tem um filho e é a minha sogra que cria, mora os tres juntos as vezes parece que ele a mãe dele e o filho dele já formam uma familia. Se bem que sou super bem tratada mas esse desconforto não passa, ainda mais que um dia a irmã dela falou de eu ter um filho ela disse por mim DEUS ME LIVRE, fiquei furiosa mas me contive. A resposta que queria dar a ela era a seguinte, deus me livre nada se eu tivesse quem iria criar era eu pois ñ iria jogar ele na suas costas, mas só olhei pra ela e fiquei calada, gosto bastante dela e do filho dele, mas ñ sou perfeita e depois disso que ela disse não consigo desencanar.
  • amanda disse:
    tenho ou melhor tinha um namorador que tem 4 filhos nos dois somos um casal de da inveja um casal
    mto feliz tem 1 ano que estávamos juntos mas meu ciúme com os filhos dele é de mais e assim essa semana decidimos termina o relacionamento eu não tenho filho
  • Hélga disse:
    Meu pai já teve inúmeras namoradas, e eu sinto mais falta delas do que dele! Até hoje mantenho contato com uma delas, e somos muito amigas. Conviver com uma pessoa que tem filhos não é impossível quando a madrasta e o (a) afilhado (a) estão dispostos (as) a aceitar a situação, conviver bem e felizes.
  • evellyn disse:
    Eu tenho 19 anos de idade e namoro um rapaz de 27 anos em julho de 2013 nos conhecemos e damos muito certo um com outro passaram dias e começamos a namorar. depois de duas semanas ficamos sabendo que ele iria ser pai. no começo nem me importei tanto, so que meus amigos sempre me diziam cuidado sempre companhe a historia de perto, ele sempre foi sincero comigo sempre me mostrou tudo de perto, poucas vezes ele ia la sabe noticias conversar com a ex , so que tive tanto medo de me participar disso!! e enfim passaram uns 2 a 3 meses comecei a ficar a pirar a ficar no pe dele. sempre sinto esse medo presente, pois eu gosto muito dele. brigamos muito por esse assunto que ja nao estava mais aceitanto. em março de 2014 a filha dele nasce. tenho tanto medo que tudo mude. e sei que coisas mudaram. o nosso tempo sera dividido e talz… mais deus sabe o que faz para nos. espero que ele esteja ao meu lado para suporar tudo isso, filha e ex. mais como amiga … dou o conselho pra voces que querem pensar em ir em frente a batalha e muito grande. desgata voce completamente. entao vao namorar outros rapazes que nao tenha filhos para nao entrar nesse desafio.
  • Brenda disse:
    GENTEEEE ,,,,
    Eu namoro a 1 ano e 7 meses e não, rs, meu namorado não tem filhos (graças a Deus)
    Só que em um passado não tão distante eu conheci uma cara, por quem eu me “apaixonei”, e confesso que, ate hoje eu não sei se realmente o esqueci!
    Na época o problema principal foi o de que, eu com apenas 16 estava querendo namorar um cara de 22 que tinha um filho.. E quem não aceitou a historia foi minha familia (principalmente minha mãe =/)
    Eu não cheguei a conhecer a criança nem nda pq parei de ficar com ele … Mas até hj eu me arrependo e me pergunto “SERÁ QUE TERIA DADO CERTO?”
    É a pior dúvida que carrego comigo ate hj … =/
  • leila disse:
    Comecei a me relacionar com um rapaz que é divorciado ha 2 meses e tem uma filha pentelha de 3 anos.Faz 1 mes que estamos juntos, ate viajamos juntos no último feriado mas não conheço a filha dele…na verdade nem quero porque só do jeito que ele fala dela ela me parece ser uma criança mimada e chata cuja mãe usa pra mostrar á ele suas próprias frustrações com o divorcio e são vários recados e envios de fotos pelo whatsapp quando estamos juntos.Bem…ele até administrava bem os finais de semana quinzenais que passava com ela e arrumava um tempo pra mim que moro em outra cidade, mas esse fim de semana ele decidiu que tem que passar mais tempo com a filha devido á algumas coisas que a psicóloga da criança falou e nisso tudo decidiu me deixar jovem e bela aqui num sábado sozinha e no feriado prolongado da semana que vem ele vai ficar os 4 dias com a filha.Não estou gostando da situação de ficar pra segundo plano e vou terminar com ele antes que surjam dores de cabeça maiores.Namorar homem com filho é difícil sim pra mulheres que não tem criança.Não recomendo nem tentarei novamente!
  • MARCELA disse:
    AI GENTE QUE SITUAÇÃO DIFICIL VIU

    também estou passando pela mesma coisa, eu e meu namorado estamos juntos a 7 meses, e ele tem um filho que completou um ano o mes passado, bem no dia ainda do meu aniversario, ele me deixou e foi passar o aniversario do filho dele com ele, e junto com o capeta da ex dele, aquela bruxa ridicula espinhuda e só fica enfernizando nossas vidas, mandando mensagens que ama ele ainda, lazarenta odeiio ela, não sinto ciumes do filho dele, pois ele não tenho culpa, sinto é ciumes dela mesmo.ele vai ir ver o filho dele uma vez por mes, pois o filho dele mora em outra cidade, e nunca me levou, pelos problemas de mim com a ex dele, mais eu fico muito mais muito nervosa, fico em casa pensando que essa coisa ridicula pode estar dando encima do meu namorado..
    ai gente que vida viiu :(

  • Carla disse:
    Nossa!! Que monte de mulher sem amor no coração.
    O homem vem com “bonus”. Tem que no mínimo aceitar. Agora, por mais difícil que uma criança seja, uma mulher madura vai conseguir reverter a situação.
    Provavelmente que está fazendo um inferno na cabeça é alguém próximo a criança (pode ser mãe, avós maternos, paternos, amigos, primos). Respire fundo, analise a situação, e tente deixá-la a seu favor.
    Um ex tinha pelo filho da ex dele( e que não era filhod ele) um carinho paterno e o menino sempre ia lá na nossa casa. Eu odiava a mulher, mas não transferi esse sentimento pra criança, pois ela não tem culpa de nada. O que percebi que a maioria faz aqui, é que coloca toda a culpa na decadência do relacionamento nos filhos do namorado/noivo/marido. Tô vendo a hora acontecer um novo caso “Bernardo”. Medo de alguns comentários aqui.
  • Rafaella disse:
    Boa tarde! Namoro há dois anos e meio e meu namorado tem um filho de quatro anos. Quando começamos eu ja sabia da condição dele, uma vez que éramos amigos muito antes dele ser pai. O filho dele mora em outra cidade e quando começamos a namorar o contato com o filho era mínimo, o que eu achava absurdo e dessa forma estimulei ao máximo a aproximação dele com a criança, inclusive comprando presentes e passagens. Eu nunca tive ciúmes da mãe do filho dele, estimulando até o contato entre eles, pois achava que seria importante para a relação dele com o filho. Porém, depois de dois anos de namoro, descobri que ela ainda era apaixonada por ele e estava aproveitando tal situação para voltar com meu namorado. Me senti muito traída com relação a isso, pq tudo aconteceu sob meus olhos e meu consentimento. Eu achando que estava ajudando e no fim tava é empurrando meu namorado para a mãe do filho dele. Depois disso parei total de apoiar tal relação. Não aprovo e nem desaprovo. Fico inerte. Ele cortou toda e qualquer relação com a mãe do filho dele e consequentemente com o próprio filho, uma vez que ele é criança e é inevitável o contato com a mãe. Ela chegou ao ponto de tirar o telefone de casa para que meu namorado tivesse que ligar direto no celular dela para falar com o filho. Meninas, acordem! Não culpem a criança por qualquer coisa… A culpa são sempre dos adultos que não pensam antes de fazer as coisas. Além disso, não se iludam que a mãe do filho vai refazer sua vida… Ela vai sempre sonhar em criar família com o pai do filho… Ouvi isso da boca dela! Então caso entrem em um relacionamento assim, estejam cientes do que vão enfrentar…
  • lu disse:
    oiiee…meu nome é lu sou casada a 4 anos com uma pessoa 12 anos mas velha que eu,
    se damos super bem temos um filho juntos de 2 aninhos ”’coisa linda”
    mas ele tb tem outro filho de um relacionamento antigo o menino tem 11 anos
    nao tenho problemas com o menino gosto mt dele,,,,,so que tudo tem limite
    a mae dele quer deixar ele td final de semana aqui pra ficar atoa com o esposo enquanto ficamos em casa com 2 crianças,,,ja conversei varias vezes com meu esposo e ele nao entende diz que eu to errada que o filho dele tenque vier a hora e o dia que quizer…….eu nao acho deve ter um equilibrio de ambas as partes, conversei com a mae do menino e propus para ela 1 final de semana com um e um com outro ela estava fazendo isso na boa agora começou a desrespeitar as regras……..nao sei mas o que fazer nao adianta falar td vez que eu falo acabamos brigando pois ele acha que nao gosto do menino,,mas o meu problema é com a mae no sentido de deixar o menino a hora que ela quer e sem avisar sem ligar….sai deixando e pronto……….me ajudem quero conselho.
  • Lili disse:
    Sinceramente, acho que quando se está com alguém que tenha filhos é necessário haver compreensão, é claro que compreensão tem que haver em qualquer relacionamento, mas em uma situação na qual o seu companheiro tenha filhos é necessário ter uma compreensão maior, é necessário ter a consciência de que seu companheiro teve uma história de vida no qual resultou em filhos, é essencial saber repeitar essa história de vida.
    Os filhos são a coisa mais importante na vida de um pai ou de uma mãe, os filhos fazem parte de seu universo. Se realmente você gosta de uma pessoa que tenha filhos precisa compreender esse “universo” no qual o seu companheiro está inserido, é necessário fazer parte deste universo aos poucos, conquistando o seu espaço sem ser invasiva para que o relacionamento dá certo. Não tente competir com os filhos de seu companheiro, pois com certeza você vai perder essa “batalha”, ao invés disso, tente ser compreensiva e amorosa com os filhos dele, se você gosta de verdade de seu companheiro vai saber tratar com respeito, carinho e educação as pessoas que ele mais ama, os seus filhos e vai saber lidar com maturidade as adversidades que surgirem.
    • Lili disse:
      Só complementando o meu post anterior, é necessário também ter uma relação de cordialidade e respeito com a ex de seu companheiro. Se o seu companheiro tem filhos, ele e a ex estarão ligados para sempre. Caso surjam adversidades, ainda que relacionadas com a mãe da criança, é necessário buscar o entendimento através do diálogo com o seu companheiro, para que o casal possa superar com maturidade essas adversidades que surgirem.
  • Deixe seu comentário:





    Publicidade
    Publicidade
    Publicidade
    Fiquei magoado, não por me teres mentido, mas por não poder voltar a acreditar-te. Friedrich Nietzsche